ENÁPOLIS - Santa Casa já recebe pacientes com covid-19

Santa Casa de Penápolis suspende atendimentos eletivos para atender pacientes com covid-19

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – PENÁPOLIS

A Santa Casa de Penápolis precisou suspender os atendimentos eletivos. Todas as cirurgias e internações de menor urgência não serão realizadas no local por prazo indeterminado. O motivo é a necessidade de utilização de leitos da Santa Casa para o tratamento de pacientes com sintomas mais graves da covid-19.

Atualmente, o Santa Casa de Penápolis atende pelo SUS a pacientes de diversas cidades da microrregião, como Glicério, Barbosa e Avanhandava, dentre outras. Com a decisão da direção do hospital, pacientes terão de aguardar para realizar procedimentos e atendimentos médicos no local.

“Infelizmente, com a necessidade de internações de pacientes covid aqui na Santa Casa de Penápolis, todos os atendimentos eletivos, internações e cirurgias, obrigatoriamente são suspensos em virtude da necessidade do plano de contingência que foi elaborado no início da pandemia”, afirmou o superintendente da Santa Casa de Penápolis, em entrevista concedida nesta sexta-feira à TV Tem.

“Essas pessoas deverão aguardar a liberação de novo espaço no hospital para poder voltar a ser atendido e isso é feito para que não haja o risco de contágio de covid a esses pacientes”, explicou.

O Hospital de Campanha, montado na cidade exclusivamente para atender pacientes com sintomas de covid-19, tem registrado alto índice de ocupação, sendo que atualmente está com 100% dos seus leitos com ventilação mecânica ocupados. Isso fez com que fosse necessário utilizar o espaço da Santa Casa para internações.

Atualmente, Penápolis está recebendo pacientes com sintomas de covid de 11 municípios diferentes: Andradina, Alto Alegre, Avanhandava, Birigui, Braúna, Buritama, Brejo Alegre, Brotas, Olímpia, Bilac e Luiziânia.

A Santa Casa de Penápolis disponibilizou 54 leitos para atendimento de pacientes com sintomas ou confirmação de covid-19, sendo 44 em enfermaria e 10 em UTI. Atualmente, o local recebe apenas 6 pacientes, porém a suspensão dos demais atendimentos, com exceção de urgência e emergência, tem o objetivo de diminuir a chance de contágio.

De acordo com o superintendente da Santa Casa de Penápolis, uma reunião feita pelo setor de saúde de Penápolis na manhã desta sexta-feira, detectou que o aumento substancial de casos começou na segunda quinzena de dezembro.

“Em uma reunião ocorrida hoje (ontem) de manhã foi informado que da segunda quinzena de dezembro pra cá houve um crescimento vertiginoso dos casos suspeitos e confirmados, inclusive os graves, em toda a nossa região e Penápolis não é diferente”, completou o superintende Roberto Torsiano.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Essenciais, ambulantes e lojas de rede deixam calçadão movimentado no primeiro dia da fase vermelha

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA O primeiro dia de comércio fechado em Araçatuba ainda …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *