13.9 C
Araçatuba
segunda-feira, maio 23, 2022

PV desliga vereador de Araçatuba após manifestações sobre rumos do partido

 

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

O vereador Lucas Zanatta foi desfiliado do Partido Verde. Após declarar publicamente a sua desaprovação em relação à provável federação da sigla com o PT, Partidos dos Trabalhadores, para as eleições nacionais e estaduais deste ano, a direção estadual do PV informou que não tem mais interesse na continuidade do parlamentar na sigla.

Um comunicado assinado pelo presidente estadual do PV, Marcos Belizário, foi enviado ao vereador na última quarta-feira (23), informando sobre uma reestruturação no partido e sobre a falta de interesse na sua manutenção na sigla. O comunicado também informa que o partido não tem interesse de requerer judicialmente o seu mandato como vereador em Araçatuba.

Em entrevista ao próprio jornal O LIBERAL REGIONAL, Lucas Zanatta já havia manifestado descontentamento com os rumos tomados pelo PV e, na época, afirmou que pensava em deixar a sigla. Na mesma época, o ex-vereador e candidato a prefeito de Araçatuba nas últimas eleições, Dr. Flávio Salatino, deixou o partido pelos mesmos motivos. 

Em novo contato com a reportagem nesta quinta-feira (24), Zanatta afirmou que já informou à Mesa Diretora da Câmara sobre a decisão do partido e protocolou ofício sobre a desfiliação do partido. Ele comenta que já vinha tendo atritos na sigla.

“Eu já havia manifestado publicamente o meu desejo de sair do partido devido a essa federação, essa junção, que o PV pretende fazer com o PT. Há tempos já que eu tenho tido conflitos dentro do partido porque eu sou conservador, apoio o presidente Bolsonaro, tenho minha pauta da direita, e isso vinha há tempos criando atritos constantes com a pauta do partido. Então, era notório o desconforto de ambos os lados, e agora, chegando as eleições, ficou uma situação a ser resolvida e o partido entendeu que era o momento de fechar esse ciclo”, disse. 

Segundo Zanatta, pelo comunicado e interesse de desfiliação ter partido da sigla, o parlamentar pode seguir o seu mandato como vereador em Araçatuba normalmente.

“Eu não deixo o mandato como vereador, eu acho que dá para conciliar, temos uma equipe muito boa de gabinete. Já estou me desfiliando do PV com a decisão do partido e tenho até dia 2 de abril para me filiar no PL, mas isso vai acontecer antes do prazo”, ressaltou. 

Ele também confirmou que se filiará ao PL, Partido Liberal, atual sigla do presidente Jair Bolsonaro, será candidato a deputado estadual, e terá uma dobradinha com ex-ministro Ricardo Salles, que será candidato a deputado federal. 

“Eu tenho convite para poder me filiar ao PL, vou sair candidato a deputado estadual e provavelmente foi sair em dobradinha junto com o Ricardo Salles, (ex) ministro do Meio Ambiente, que vai sair a deputado federal, isso estava sendo estudado já, no meio político isso já era sabido, até pelo tamanho do parceiro, o Ricardo Salles”, informou Zanatta. 

A base apoio do presidente Jair Bolsonaro na região, segundo ele, foi fundamental para as conversas com o PL e a filiação ao novo partido.

“Esse convite do PL vem principalmente pela base de apoio de bolsonaristas aqui da região, pessoal do agronegócio, das indústrias, do comércio, dos evangélicos, que há tempos já caminhamos juntos”, analisou o vereador e pré-candidato a deputado estadual. 

 

 

Ultimas Noticias