ESPÉCIE - Tucanos habitam no cerrado, tipo de vegetação que está presente na região

Presença de tucano na área urbana de Araçatuba chama a atenção de moradores

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Frequentadores de uma academia e transeuntes que passavam pela avenida João Arruda Brasil, em Araçatuba, nesta sexta-feira (23) ficaram impressionados com as atitudes de um tucano que estava pelo local. 

Próximo do local de prática esportiva, usuários fizeram imagens da ave andando em uma calçada e tentando entrar em uma propriedade com porta de vidro. Bicando o chão e a porta, o tucano parecia querer entrar e pouco tempo depois se virou para o lado da rua.

A imagem chamou a atenção e uma pessoa filmou a ação do tucano, que aconteceu próximo ao final da avenida, no cruzamento com a rua Porangaba. 

O animal visto nesta sexta-feira na área urbana de Araçatuba é da espécie tucanuçu, ou Ramphastos toco, seu nome científico. O animal costuma ter pouco mais de 50 centímetros de altura e pega cerca de 500 gramas. Ele possui um bico de aproximadamente 20 centímetros. 

A espécie costuma habitar o cerrado, vegetação presente na região de Araçatuba, o que pode ajudar a explicar a presença do animal na área urbana. Os tucanos desta espécie costumam se alimentar de frutas e são importantes para o dinâmica florestal, já que dispersam as sementes das plantas ao se alimentarem. 

O tucano flagrado em vídeo por moradores de Araçatuba nesta sexta-feira não é uma das espécies da ave ameaçada de extinção e costuma ser vista com mais frequência nas áreas rurais da região. 

De acordo com o União Internacional pela Conservação da natura, os tucanos ameaçados de extinção são o tucano de peito branco e o tucano do bico verde.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Polícia Rodoviária Federal apreende quase uma tonelada de maconha em Penápolis

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – PENÁPOLIS No início da tarde de domingo (26), equipe da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *