Prefeitura de Birigui reassume administração do Pronto Socorro Municipal

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – BIRIGUI

A Prefeitura de Birigui reassumiu, na noite desta terça-feira (26), a gestão do Pronto Socorro Municipal Dr. Alceu Lot. O prefeito Leandro Maffeis, acompanhado do vice-prefeito Carlão Gallindo e secretários municipais, esteve na unidade para comunicar os funcionários sobre a decisão de renúncia do convênio com a OSS Irmandade da Santa Casa de Misericórdia.

Conforme a secretária de Saúde, Adriana Sangaletti Duarte, a decisão extrajudicial foi tomada em virtude da inexistência do quinto termo aditivo que prorrogaria por mais dois meses o convênio, a partir de 31 de dezembro de 2020. Ontem mesmo foi iniciado inventário de bens móveis, imóveis e insumos existentes na unidade.

Na última sexta-feira (22), a administração municipal decretou estado de calamidade pública em Birigui por conta da crise na saúde. A decisão foi tomada devido à paralisação parcial das atividades que são prestadas pela organização social e com o objetivo de assegurar à população a continuidade dos atendimentos de saúde.

SALÁRIOS

Em conversa com os funcionários da OSS, o prefeito disse que está negociando com o Sinsaúde (Sindicato dos Empregados em Estabelecimento de Serviço de Saúde) de Araçatuba e região, para que os salários atrasados de dezembro dos colaboradores do pronto-socorro, Corujão da Saúde das UBSs (Unidades Básicas de Saúde) sejam acertados.

“Estamos preocupados demais com essa situação porque sei que aqui tem muitos pais e mães de famílias. Mas temos que fazer o repasse pelos meios certos e ter a garantia de que o dinheiro realmente será destinado para o pagamento de todos os funcionários. Não queremos que ninguém fique sem receber”, afirmou Maffeis.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Cerca de 150 policiais devem completar ciclo da vacinação contra a covid nesta terça em Araçatuba

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA Policiais e agentes de segurança que não tomaram a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *