Poupatempo entrega de kit para doação de mechas de cabelo

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

A partir desta quinta-feira (31), os postos do Poupatempo passam oferecer kit para doação de cabelos que serão destinados a pacientes do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp). Na região há unidades em Andradina, Araçatuba, Birigui, Penápolis e Lins.
A ação é uma parceria com o Fundo Social de São Paulo (Fussp) e faz parte do encerramento das comemorações do “Outubro Rosa”, campanha de conscientização que busca alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e de colo do útero.
O kit conta com orientações de como a pessoa interessada deve proceder em todas as etapas do processo, do corte até a entrega das mechas nos postos do Poupatempo.
Para o Diretor Administrativo-Financeiro da Prodesp, Murilo Macedo, o atendimento humanizado aos cidadãos e a dedicação dos colaboradores do Poupatempo tornaram o programa do Governo de São Paulo um dos principais parceiros do Fussp na arrecadação de mechas.
“Esse movimento de arrecadação de cabelos para pessoas em tratamento de câncer é um belo gesto de amor e carinho para estimular a solidariedade e aumentar a autoestima de quem precisa”, afirma Macedo.
Para ser doador e colaborar com essa ação de generosidade e amor é muito simples. E o melhor, não importa o tipo de cabelo. Pode ser encaracolado, liso, crespo, loiro, preto, ruivo, grisalho, com ou sem química. E os homens também podem participar dessa campanha.
Antes de fazer a doação é necessário seguir algumas recomendações. A primeira delas é que o cabelo precisa estar lavado e totalmente seco. Outra dica é prender os fios com um elástico antes do corte para ajudar a demarcar o tamanho. Só serão aceitas mechas com comprimento mínimo de 15 cm.
Após o corte, basta colocar a mecha no saco plástico do kit, preencher a etiqueta de identificação com os dados cadastrais e entregar no Poupatempo.
Todo o material arrecadado será encaminhado ao Fundo Social para ser transformado em perucas. Antes de serem doadas e implantadas nas pacientes, as mechas são devidamente tratadas e transformadas pelos cabeleireiros e auxiliares da Escola de Beleza, Estética e Bem-Estar do Fussp. A ideia é fazer com que elas tenham as mesmas características do cabelo natural das pacientes.
Nos últimos três anos a Prodesp e o Poupatempo arrecadaram mais de três mil mechas de cabelo para doações ao Fussp.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Obra da CPFL para melhorar o serviço deixa Vila Mendonça sem energia

Compartilhe esta notícia!Diego Fernandes – ARAÇATUBA Obra da CPFL para melhorar o serviço deixa Vila …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *