6.4 C
Araçatuba
quarta-feira, maio 18, 2022

MUNICÍPIO VAI AUMENTAR O VALOR DA MULTA PARA QUEM DEIXA ANIMAIS SOLTOS

Nas estradas, os casos são recorrentes. Acidentes com estragos de grandes proporções, após choque de veículos com cavalos, bois ou vacas, já renderam condenações ao poder público ou a concessionárias que administram rodovias. Mas, na área urbana dos municípios, o problema também preocupa. Não é difícil encontrar motoristas que, ao trafegarem por diferentes ruas e avenidas de Araçatuba, já se depararam com animais de grande porte no caminho, tendo de redobrar a atenção para que não ocorram destruições em seus veículos nem vítimas.
Essa situação levou a Prefeitura a rever as penalidades aplicadas a pessoas que deixam soltos seus animais nas vias públicas. Em resposta a requerimento do vereador Arlindo Araújo (PPS), enviada à Câmara, o Executivo diz que já solicitou à Secretaria da Fazenda o aumento da multa aos proprietários desses bichos, quando localizados.
O documento, no entanto, não informa qual o percentual. Questionada pela reportagem, na tarde de ontem, a gestão do prefeito Dilador Borges (PSDB) informou que o valor ainda não foi estipulado. “Está em estudo”, disse a gestão tucana, por meio de sua assessoria de imprensa. De acordo com o poder público local, a ideia é que o reajuste passe a vigorar assim que for estabelecido. Hoje, a multa está em R$ 80.
Tornando a punição mais rigorosa, o município espera que as pessoas cuidem melhor dos animais, mantendo-os presos e em segurança. “Com um desembolso maior, o munícipe tenderá a cuidar melhor de seus animais”, diz a administração municipal, na resposta encaminhada ao Legislativo.
A multa, no entanto, não é a única sanção prevista. O infrator ainda é obrigado a pagar uma diária de permanência no valor de R$ 26,22 e, na reincidência da apreensão, a multa tem seu custo dobrado.

EPISÓDIO

A preocupação com o risco de acidentes envolvendo animais pesados em Araçatuba voltou à tona com episódio ocorrido na última sexta-feira. Naquele dia, a Guarda Municipal apreendeu quatro cavalos soltos e sem qualquer tipo de identificação na avenida Waldemar Alves, oferecendo riscos aos moradores, conforme matéria publicada por O LIBERAL REGIONAL na edição de domingo.
A quantidade apreendida somente na sexta passada corresponde à metade do que, em média, é pega pela corporação. Levando em conta apenas o primeiro semestre deste ano, a Prefeitura informa que, por mês, oito animais são apreendidos pela Guarda.
Quando pegos nas ruas, os bichos são levados para o Sítio Escola. Com a apreensão do final da semana passada, subiu para 18 o número de animais que estão no local. Já o caso registrado na Waldemar Alves virou objeto de inquérito policial.
Em sua manifestação ao parlamento local, a Prefeitura de Araçatuba teve de explicar tambeém como é feita a fiscalização. Segundo a Secretaria Municipal de Segurança, esse trabalho é realizado por viaturas empenhadas no patrulhamento. Caso se deparem com a ocorrência, acionam outra viatura que, juntamente com uma carreta apropriada para recolhimento de animais, faz a apreensão.

ARNON GOMES
Araçatuba

Ultimas Noticias