Home Cidades Araçatuba Movimento no recinto supera expectativa de organizadores de Campeonato da ABQM

Movimento no recinto supera expectativa de organizadores de Campeonato da ABQM

9 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

Diego Fernandes – ARAÇATUBA

Os negócios também foram sucesso durante o 42º Campeonato Nacional da Associação Brasileira do Quarto de Milha. Organizadores, comerciantes, vendedores e leiloeiros ficaram surpresos com a magnitude tomada pelo evento, que acontece pela primeira vez em Araçatuba e se encerra neste domingo.
Antes do início da competição, o consultor da ABQM, Daniel Costardi, chegou a dizer em entrevista ao jornal O LIBERAL REGIONAL que estava aguardando uma media de público de 5 mil pessoas por dia. Mas, segundo a assessoria de imprensa do evento, este número foi, no mínimo, triplicado. A estimativa é que, pelo menos, 15 mil pessoas por dia passaram pelo Recinto de Exposições Clibas de Almeida Prado durante os dias de competições.
O movimento gerou bons resultados em todas as frentes. Na área de vendas, mais de 400 quiosques estiveram presentes oferecendo uma variedade de opções em moda country, dentre outros produtos, além de uma vasta praça de alimentação que foi desde salgados, refrigerantes, até cervejas artesanais e refeições completas. O recinto gerou movimento durante as 24h do dia graças aos pequenos shows que ocorreram em estandes específicos e ao PUB, que agitou as madrugadas no espaço. Pessoas de todas as partes do Brasil que estiveram em Araçatuba elogiaram o evento e fomentaram os negócios tanto dentro como fora do recinto.
VISITANTES DE TODO O BRASIL
O casal Celso Herculano Alves e Rubia Melo, que veio de Manaus (AM) apenas para o Campeonato, conversou com nossa reportagem e contou que trouxe vários animais para competir no recinto e acabou comprando mais dois, que voltarão para o Norte do país com eles.
Segundo Rubia, eles se surpreenderam com o evento. “Eu achei legal que vocês aqui, a cidade, todos abraçaram o evento, foi muito legal, estamos levando dois animais que compramos aqui com a gente”, disse.
Além deles, segundo a assessoria da ABQM, o Campeonato registrou inscrições de pelo menos 18 estados brasileiros e visitantes dos mais diferentes lugares como Rio Grande do Norte, Pernambuco e Roraima, dentre outros.ABQM Turismo Negócio Patrícia Junqueira Franco - Fritto  (13).JPGDonos de stands e quiosques comemoram resultados nas vendas
Quem passeou pelo recinto pode ver vários estandes vendendo botas, camisas, bonés, chapéus, cintos, e vários utensílios próprios para esportes equestres como roupas adequadas, celas, laços, dentre outros.
Paulo César de Oliveira é parceiro dos eventos da ABQM há 4 anos e é dono da Radade Country, que tem sede na cidade de Nova Esperança, no interior do Paraná. Segundo ele, no evento deste ano em Araçatuba as vendas aumentaram 30% no estabelecimento dele em relação ao último campeonato realizado na sede anterior. “O aumento foi bem significativo e a tendência é ainda melhorar mais nos próximos. Vamos vir com mais mercadorias, outras mais direcionadas, e esperamos crescer ainda mais”, contou.
O empresário também engrossou o coro dos que disseram que Araçatuba abraçou a ideia da competição. “O pessoal sentiu que era uma boa opção de lazer e vieram várias famílias passear, não só do pessoal do ramo. Eu acho que valeu a pena”, concluiu Paulo César.
Estabelecimentos locais também tiveram o seu espaço ao longo da festa. Patrícia Junqueira Franco, proprietária do Fritto, estabelecimento do ramo alimentício especializado na modalidade de frango no balde, demonstrou muita satisfação com os resultados obtidos durante os dias de competições da ABQM no recinto. “Olha, foi surpreendente. Nós nunca tínhamos feito um evento de tantos dias. No próximo nós queremos estar junto novamente”, disse.
Segundo Patrícia, apenas no seu quiosque passaram entre 600 e 1.000 pessoas que consumiram todos os dias. “O que mais saiu aqui foi bebida, cerveja, chopp, batata e frango, que são os nossos carros chefes. Já estamos programando para os próximos eventos e queremos ficar aqui no mesmo ponto”, comemorou.

ABQM Turismo negócio Paulo César de Oliveira (6).JPGCavalos mais valorizados em leilões
Os leilões também superaram a media esperada pela ABQM. Antes do evento começar, a expectativa era gerar até R$ 20 milhões em vendas de pelos 350 animais. O último leilão do evento aconteceu neste sábado (27).
Segundo o Superintende da ABQM, Sérgio Ricardo da Silva, os leilões ainda não tiveram os dados fechados exatamente por conta do último realizado ontem, mas houve um aumento da expectativa de negócios por conta da valorização de preço dos cavalos vendidos. “Nós tínhamos uma media de R$ 40 mil em cada cavalo negociado até este evento. No atual conseguimos subir essa media pra R$ 55 mil por animal. Então com certeza os R$ 20 milhões serão superados”, disse.

EMPREGOS
Ainda segundo o Superintendente da ABQM, foram gerados pelos 700 empregos diretos no recinto durante o evento, isso sem contar os empregos gerados durante a construção do parque equestre. E a expectativa é aumentar esse número nos próximos. “Temos um evento em outubro e esperamos chegar a pelo menos 1.000 pessoas trabalhando aqui”, concluiu Sérgio Ricardo.
ÚLTIMO DIA
Hoje é o último dia de competições no Recinto Clibas de Almeida Prado. As provas acontecem nas três pistas e vão das 8h às 18h. A entrada no recinto é gratuita.

ABQM Sérgio Ricardo (9).JPG


Compartilhe esta notícia!