Morre, aos 41 anos, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – SÃO PAULO

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, morreu na manhã deste domingo,aos 41 anos de idade. Covas, que deixou um filho de 15 anos – Thomas – estava internado no Hospital Sírio Libanês para tratamento de câncer desde o dia 2 de maio.  A doença, no sistema digestivo, foi diagnosticada em 2019 e recentemente foi constatada metástase nos ossos. Na sexta-feira houve manifestações religiosas no hospital.

Em outubro de 2019, Covas foi internato para tratamento de infecções na pele (erisipela). Durante os exames foi diagnosticado o câncer no sistema digestivo. Foi submetido a tratamento e o tumor regrediu. No entanto, este ano novos nódulos forsam encontrados no fígado., nos ossos da coluna e na bacia. Nas últimas horas ele estava cedado para não sentir dor

Covas é o primeiro prefeito da cidade de São Paulo a morrer durante o mandato. Ricardo Nunes, do MDB, que está interinamente à frente do executivo paulistano vai assumir o cargo.

FAMÍLIA

Natural de Santos e filho da única filha (mulher) do ex-prefeito e ex-governador Mário Covas, Bruno era muito ligado ao avô. Tanto que aos 14 anos foi morar com Mário Covas e dona Lila, no Palácio dos Bandeirantes.

A partir daí começou a seguir os passos do avô na política. Gradou-se em Direito pela USP e Economia pela PUC. Foi eleito e reeltio deputado estadual. Depois foi deputado federal e vice-prefeito na chapa de Doria. Assumiu a Prefeitura e foi reeleito.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Marechal Rondon tem mais de 40 obras em execução entre Araçatuba e Andradina

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDE – ARAÇATUBA A Via Rondon, empresa concessionária que administra a Rodovia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *