14.2 C
Araçatuba
terça-feira, maio 17, 2022

Mesmo com desempenho inferior em dezembro, cidades fecharam o ano com saldo positivo

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

A desaquecimento da economia, a aceleração inflacionária e o avanço da contaminação da Covid no final do ano, estão entre os elementos conjunturais que impactaram o mercado de trabalho de dezembro das quatro maiores cidades da região (Araçatuba, Birigui, Penápolis e Andradina). Os municípios encerraram o mês com saldo negativo de 2.059 postos de trabalho. O resultado acompanhou a tendência nacional e estadual, com demissões superando as contratações. No entanto, no acumulado do ano, os quatro municípios tiveram saldo positivo.
Os dados foram levantados pelo economista e administrador, pesquisador em economia local/regional, prof. Marco Aurélio Barbosa de Souza (FAC-FEA), a partir da base do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho e Previdência, divulgados nesta segunda-feira, dia 31/01.
Araçatuba teve saldo negativo de 630 postos de trabalho (1.307 contratações e 1937 demissões), Birigui 1.042 (571 contratações e 1.613 demissões), Penápolis 239 (315 contratações e 554 demissões) e Andradina 148 (514 contratações e 662 demissões).
Apesar dos números do último mês do ano, os municípios fecharam 2021, com resultados favoráveis na empregabilidade e avanços em relação ao ano de 2020. O município de Araçatuba acumulou saldo positivo de 980 empregos, ante 301 no ano anterior. A cidade de Birigui inverteu o sinal, de negativo para positivo, fechando com resultado favorável de 920 postos de trabalho, contra 812 negativos registrados no município em 2020. Andradina fechou o ano com 999 empregos de saldo positivo e Penápolis com 596.

DESEMPENHO DOS SETORES PRODUTIVOS EM 2021
Constatou-se dinâmicas diferentes em relação ao desempenho anual dos setores produtivos (agropecuária, indústria, comércio, serviços e construção) nas cidades analisadas.
Em Araçatuba, o setor de serviços se destacou na geração de empregos, produzindo resultado positivo de 1.304 postos de trabalho no ano. Em seguida, aparecem o comércio e a construção, com saldo favorável de 198 e 110 empregos, respectivamente. Na cidade de Birigui, os destaques na empregabilidade, foram a indústria com saldo de 848 postos de trabalho e o comércio com 256. Já na cidade de Penápolis, o emprego foi puxado pelos setores de serviços, indústria e comércio, cujas contratações superaram as demissões em 213, 199 e 149 trabalhadores, respectivamente. Em Andradina, constatou-se destaque na geração de empregos nos segmentos de serviços com 473 postos de trabalho, seguido pelo setor de indústria com 228 e comércio com 175.

RESULTADOS NO ESTADO DE SÃO PAULO E DO BRASIL
O Brasil apresentou também desempenho negativo em dezembro, com o fechamento de 265.811 postos de trabalho. Entretanto, no acumulado do ano, houve a geração líquida de 2.730.597 empregos. Já no Estado de São Paulo, o saldo em dezembro foi desfavorável em 103.954 empregos e no ano (janeiro a dezembro), o resultado favorável foi de 814.035 postos de trabalho.

Ultimas Noticias