ANÚNCIO - Notícia foi dada durante coletiva de imprensa, em São Paulo

Governo de São Paulo estende fase de transição; estabelecimentos ganham mais uma hora de trabalho

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Em nova atualização do Plano São Paulo, nesta sexta-feira, o governo do estado ampliou a atual fase de transição por mais duas semanas e aumentou o período de flexibilização dos serviços considerados não essenciais, diminuindo o tempo do toque de recolher nos 645 municípios paulistas.

A partir de hoje (8), a região de Araçatuba e todas as demais regiões administrativas do estado, terá um período 15 horas para o funcionamento de estabelecimentos comerciais que vai das 6h às 21h. A medida é válida por duas semanas, até o próximo dia 23 de maio, segundo anúncio feito governador João Dória, em coletiva, no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo (SP), nesta sexta-feira.

Além disso, houve mudança na capacidade permitida dentro dos estabelecimentos. Até ontem, as lojas do comércio, os shoppings, os restaurantes, os salões de beleza e as academias só podiam funcionar com até 25% da capacidade de público. A partir de hoje, esta capacidade sobe para 30%.

“É uma medida positiva e que vem no esteio de resultados que, gradualmente, estamos conquistando com a ajuda das pessoas que estão observando as orientações do Plano São Paulo, do Governo do Estado, e, principalmente, do Centro de Contingência, dos médicos e profissionais da ciência que nos assessoram”, afirmou o Governador. “Temos que agir com responsabilidade e cautela, realizando uma abertura gradual e segura da nossa economia para evitar qualquer novo pico da pandemia em São Paulo”, acrescentou Doria.

O horário estendido das 6h às 21h vale a partir deste sábado para estabelecimentos comerciais, galerias e shoppings. O mesmo expediente poderá ser seguido por serviços como restaurantes e similares, salões de beleza, barbearias, academias, clubes e espaços culturais como cinemas, teatros e museus.

 

A fase de transição mantém liberadas as celebrações individuais e coletivas em igrejas, templos e espaços religiosos, desde que seguidos rigorosamente todos os protocolos de higiene e distanciamento social. Parques estaduais e municipais também poderão ficar abertos, mas com horário das 6h às 18h.

O toque de recolher seguirá em todas as cidades paulistas, porém agora ele será um pouco mais curto, das 21h às 5h, quando o governo do estado e o Comitê de Contingência da Covid-19, que administram o Plano São Paulo, recomendam que se evite a circulação em locais públicos, exceto em casos de extrema necessidade.

“É muito importante mostrar que o esforço de todos tem valido a pena. Nós conseguimos ter uma redução de internações, casos e óbitos. Mantivemos essa desaceleração, o que nos dá o conforto por um lado, mas também a responsabilidade pelo patamar ainda elevado e manter essa gestão segura da pandemia”, afirmou a Secretária de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen.

De acordo com o governo estadual, a maior flexibilização para estas próximas duas semanas ocorre por causa da queda nos números da covid-19 no estado de São Paulo.

Na região de Araçatuba, a média de ocupação nas UTIs é de 79,9%, um pouco maior do que a media estadual que é de 78,3%. Nas enfermarias, porém, o índice de ocupação da região é de 41,7%, bem abaixo da media do estado de 57,4%.

MEDIDAS – Todos os estabelecimentos não essenciais estão autorizados a funcionar com restrições

Compartilhe esta notícia!

Veja também

Policiais municipais e militares doam sangue no Hemocentro de Araçatuba

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – BIRIGUII Integrantes da Polícia Municipal e da 4ª Cia da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *