Fábricas vão fechar e nenhum ônibus circulará na cidade

Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES – ARAÇATUBA

O avanço do coronavírus trouxe impactos em uma das principais atividades econômicas da região: o polo calçadista infantil de Birigui. As empresas do setor, que nos últimos dias vinham tomando medidas de prevenção em seus ambientes, irão suspender suas atividades de 31 de março até 13 de abril.
A medida é resultante de diálogo aberto entre a Prefeitura e o Sinbi (Sindicatos das Indústrias do Calçado e do Vestuário de Birigui) que resultou em novo decreto com regras para prevenir a doença.
O documento traz ações mais incisivas em relação aos anteriores já publicados desde a formação de um comitê no município para combater a covid 19.
O Terminal Rodoviário será fechado e nenhum ônibus irá circular na cidade de 23 de março até 5 de abril. Desde ontem até domingo (dia 22), os ônibus circulares irão reduzir o número de veículos pela cidade. Em vez de passar de hora em hora, o circular irá passar a cada três horas. A partir de segunda-feira (23), não haverá ônibus circular.
“Pedimos que os idosos que usam o circular somente façam uso do transporte em momentos de extrema importância. Se possível, não usar o ônibus circular neste momento”, disse a secretária municipal de Mobilidade Urbana, Melissa Puertas Sampaio. O prefeito, a secretária, representantes de empresas de ônibus, viações e profissionais do setor de transporte estiveram reunidos na manhã dessa quinta-feira no Paço Municipal.
Táxi, mototáxi e transportes por aplicativos poderão trabalhar normalmente.
Houve, ainda, uma mudança com relação às creches mantidas pela Prefeitura de Birigui: elas serão fechadas para crianças a partir de 23 de março. O corte de água para inadimplentes também foi suspenso.
Birigui não conta com casos de coronavírus. A Secretaria Municipal de Saúde monitora três casos suspeitos.
OUTRAS MEDIDAS
Entre outras medidas, o novo decreto ainda estabeleça a suspensão: do atendimento em academias e atividades afins do período de 21 a 29 de março de 2020 e também na Biblioteca Municipal.
Por fim, fica recomendado às agências bancárias, casas lotéricas e aos demais estabelecimentos comerciais que evitem a aglomeração de pessoas, e a adoção do atendimento de até cinco pessoas por vez, ficando o responsável obrigado, também, a adotar medidas necessárias exigidas pela OMS (Organização Mundial de Saúde), Ministério da Saúde, Secretária de Estado da Saúde e Secretária Municipal de Saúde para inibir a proliferação do vírus.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Inscrições para Cadastro de reserva dará oportunidade para novos feirantes

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Com o intuito de oferecer produtos inovadores na …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *