27.1 C
Araçatuba
segunda-feira, junho 27, 2022

Estado divulga plano para zerar em quatro meses mais de 29 mil cirurgias na região

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Em anúncio feito nesta quinta-feira, o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, lançou o Mutirão das Cirurgias, que pretende zerar a fila de cerca de 538 mil cirurgias cadastradas na Central de Regulação do estado.

Na região de Araçatuba, são 29.358 cirurgias que estão em atrasado e cujos pacientes estão aguardando.

A intenção do estado é realizar em quatro meses as cirurgias que seriam feitas pelos próximos dois anos. Vão ser 54 cirurgias pelo SUS nas especialidades: aparelho circulatório, visão, digestiva e abdominais, osteomolecular e geniturinário, das glândulas endócrinas e em nefrologia. 

O governo vai pagar o dobro do valor da Tabela SUS para estas cirurgias aos hospitais e serviços municipais. A remuneração passa a valer a partir do dia 1º de junho e o investimento será de R$ 350 milhões que sairão do Tesouro Estadual.

Também será publicado hoje no Diário Oficial do Estado um chamamento público para contratação de procedimentos em serviços privados para todas as regiões. A abertura do chamamento será por dez dias e os serviços que aderirem também receberão o dobro da Tabela SUS. Os interessados em participar na região de Araçatuba poderão entregar as propostas no Departamento Regional de Saúde (DRS II). As contratações serão feitas em junho e os atendimentos na rede privada serão feitos a partir de 1º de julho.

“Hoje é um dia importante para a saúde de São Paulo. É impossível ficar impassível diante de tudo isso. Foi essa atitude que nos moveu no sentido de que a gente pudesse buscar um caminho para lançar o mutirão das cirurgias, que começa pela nossa rede, pelos hospitais próprios. Mas como a rede própria não será suficiente, nós damos um passo além convidando a rede privada, além da rede filantrópica, para que a gente consiga alcançar esse objetivo de zerar essa fila”, disse o governador Rodrigo Garcia durante o anúncio. 

O secretário de estado da saúde, Jean Gorinchteyn, acredita que a oferta de cirurgias poderá ser triplicada com os investimentos. 

“Vamos pagar o dobro da tabela SUS para as redes pública e privada e, com isso, temos a expectativa de triplicar a oferta existente hoje”, afirmou o secretário.

Espera

Em setembro do ano passado, o jornal O LIBERAL REGIONAL publicou reportagem informando que pacientes aguardavam desde 2015 pela realização de cirurgias pelo SUS. A informação, na época, foi passada por uma das atendentes da secretaria de saúde de Araçatuba ao morador Daniel Alves dos Santos, que aguarda cirurgia nos joelhos desde 2018. 

Ele, que entrou em contato com a reportagem na época, segue em contato com a redação do jornal O LIBERAL REGIONAL e afirma que seu problema ainda não foi resolvido e ele segue aguardando pelo procedimento. (Com informações do Governo de SP)

 

 

Ultimas Noticias