AÇÃO - Primeiro plantio de árvores ocorreu em Araçatuba; ideia é levar a ação para outros municípios

Escolinha de futebol recebe plantio de 21 árvores em parceria entre Vaca Lôca e ONG

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Na manhã deste sábado (18), com a ajuda das crianças que praticam futebol na Escolinha do Grêmio Araçá, representantes da Vaca Lôca e da ONG Clube da Árvore fizeram o plantio de 21 árvores no próprio terreno da escolinha, que fica na avenida João Arruda Brasil, em Araçatuba.

Pouco depois das 9h, algumas das crianças que treinavam no local ajudaram no plantio de espécies como Ypê Amarelo, Ypê Branco, Jacarandá Mimoso e Resedá Gigante, que foram plantadas em volta do campo.

Cerca de 10 crianças acompanharam as orientações do presidente da ONG Clube da Árvore, Leonardo Potje, explicando como deveria ser plantada cada muda. Logo depois, todas elas auxiliaram na plantação.

Potje comentou que todas as árvores plantadas aumentarão a sombra do campo e trarão outros benefícios.

“Hoje nós plantamos 21 árvores. Tem Ypê Amarelo, Resedá Gigante, Jacarandá Mimoso, Ypê Branco, que são árvores que vão ter uma copa frondosa e sombra, e tantos outros benefícios que as árvores trazem para a cidade, auxiliando no jogo da molecada aqui”, explicou.

De acordo com ele, a preocupação da loja da Vaca Lôca com o consumo sustentável é fundamental para a sequência do trabalho de mais de uma década da ONG em favor do meio ambiente.

“A Vaca Lôca somou no sentido de consumo sustentável, então vendo um produto e destina parte dele para o plantio de árvores, isso é muito importante e fundamental para que dê continuidade ao nosso trabalho de 15 anos plantando árvores em Araçatuba”, disse.

Segundo Potje, as árvores já estarão grandes a partir da segunda década pós-plantio, o que fará com que elas possam ser vistas e notadas por alunos e pessoas que passarem do lado de fora.

“Em torno de 10 a 15 anos a gente já tem uma árvore frondosa, é interessante que todo mundo que está plantando vai passar a cuidar dessas árvores e vai ver elas florescerem”, explicou.

Para o proprietário da Vaca Lôca, Guilherme Vilela, é importante que a empresa dê importância à sustentabilidade e à solidariedade, que segundo ele são temas atuais importantes e que garantem a manutenção da vida por mais tempo no planeta.

“A ideia é começar aqui em Araçatuba com o Clube da Árvore, e que a gente consiga manter esse projeto enquanto a marca estiver rolando, porque a gente precisa disso, dessa consciência ambiental. Hoje, é obrigação das marcas, das empresas, consciência ambiental, o lado solidário da empresa também, a gente tem dois braços na empresa, que é a Camiseta do Bem, que é a parte solidária onde a gente procura ajudar quem precisa, além desse lado da consciência ambiental, apostando muito em produtos sustentáveis, ecologicamente corretos”, afirmou Vilela, que pretende levar a iniciativa também para cidades da região.

A campanha começou em abril, após a empresa lançar a marca Amazonie, que consiste em shorts com estampas que remetem à Floresta Amazônica. A cada short vendido com essa estampa, a Vaca Lôca se compromete a custear o plantio de 5 árvores. Segundo o empresário, o projeto não tem data para terminar. Ele conta com o auxílio da população.

“O short dessa estampa pode ser adquirido diretamente no site da Vaca Lôca, ou nas nossas lojas físicas, a gente entrega no Brasil inteiro, na América Latina e nos EUA. O site é vacaloca.com.br”, lembrou.

 

 

 

Veja também

Três Lagoas registra as três primeiras mortes por Covid-19 do ano e liga mais um alerta

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Três Lagoas registrou ontem (24) um total de 306 novos …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.