18.9 C
Araçatuba
segunda-feira, maio 16, 2022

Elétrica Araçatuba entra no ramo de energia fotovoltaica e fornece instalação e materiais para outras instaladoras

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

O crescimento do setor de energia fotovoltaica vem trazendo várias adaptações de mercado para muitas empresas. A busca por energia mais sustentável e barata, e a correria para que o novo sistema siga com a atual taxação por mais de 20 anos segue grande.

Após o Marco Legal de Energia publicado pelo governo federal em 7 de janeiro deste ano, quem garantir a instalação de energia fotovoltaica até 6 de janeiro de 2023 estará livre de taxação até 2045. Os que já possuem a energia implementada também não sofrerão alterações neste período.

Pensando nisso, a Elétrica Araçatuba ampliou seus negócios e, além de fornecer todo o material elétrico, também está atuando na instalação de sistemas de energia solar. Segundo um dos sócios administradores da empresa, João Felipe Picolini, somente em 2022, a sua elétrica já fez a instalação de cerca de 1 MW de potência em estabelecimentos da região.

“(Fizemos) Umas 8 instalações de médio porte e de pequeno porte muitas instalações. A Elétrica viu uma necessidade de trabalhar com esse setor devido à procura dos clientes com relação a este novo produto. Nós já trabalhávamos nesse ramo há 4 anos só no segmento de projetos e passamos a fazer a instalação e comercialização do sistema. A nossa empresa fez uma parceria com a WEG, que é uma das maiores empresas de energia do Brasil e do Mundo. E a gente fidelizou somente produtos dela, por questão de confiança e confiabilidade”, afirmou Picolini. 

De acordo com o empresário, outras empresas que fazem instalação do sistema fotovoltaico também buscam consultoria ou equipamentos na Elétrica Araçatuba.

“Todos os clientes que nós instalamos o sistema, cada vez mais tem nos indicado para novos sistemas. Tem empresa do Sistema de fotovoltaico que também busca consultoria conosco com relação a padrões de energia, a como fazer homologação de grandes sistemas. A nossa empresa já fez homologação de sistemas de grande potência e fazemos todos os tipos de projeto”, explicou. 

Segundo Picolini, aproximadamente 100 empresas estão cadastradas na elétrica e adquirem materiais com frequência para a instalação de sistema fotovoltaico.

“Hoje nós temos mais de 100 empresas parceiras comprando conosco somente focadas no sistema fotovoltaico. Isso na região de Araçatuba. A gente atende de Penápolis até Mirandópolis, Ilha Solteira a gente já vendeu também”, listou. “Nós temos milhares de parceiros, a empresa é forte no ramo de material elétrico, a principal atividade dela é focada na venda de materiais elétricos”, seguiu.

Picolini afirma que a Elétrica Araçatuba também presta consultoria gratuita para consumidores, empresas e eletricistas, trabalho que já é feito há alguns anos.

“Todos os instaladores, eletricistas, eles têm na nossa empresa um local onde ele possa tirar uma dúvida técnica, isso sem custo algum. A gente sempre abordou esse tipo de atendimento. Se você orientar bem uma boa instalação, você consegue colocar um produto bom na casa do consumidor e isso traz um retorno”, disse Picolini.

Histórico

João Felipe Picolini conta que a Elétrica Araçatuba nasceu com o atual CNPJ em 1994 através do pai, Eduardo Picolini, que já havia aberto empresa um ano antes junto com um sócio. Já em 94, passou a administrar sozinho. 

“1993 abriu o primeiro CNPJ, era uma sociedade, mas pelas dificuldades do começo de qualquer empresa, em 1994 ela se transformou só em Picolini Picolini na mão do meu pai”, contou. “Quando ele tinha 13 anos ele trabalhou em uma elétrica em Araçatuba que era bem conhecida e fechou em 2000. Treze ele trabalhou lá, depois foi para um monte de empresas e abriu uma loja de roupas. Mas a loja começou a não ir muito bem e em 1990 fechou. E aí veio a ideia de montar a Elétrica junto com um sócio e depois disso a gente caminhou com as próprias pernas”, disse.

Atualmente, João Felipe administra junto com o irmão, Frederico Picolini, a Elétrica Araçatuba. 

“Aos 14 anos eu me registrei aqui, mas comecei a trabalhar aqui aos 11 anos, desde 1995. Já estou aqui na Elétrica há bastante tempo. Hoje a administração técnica é totalmente minha e do meu irmão Frederico Picolini”, completou.

EQUIPE – Cerca de 40 colaboradores trabalham na empresa atualmente
Credito: Diego Fernandes
LOJA – Com especialidade em materiais elétricos, empresa aposta também na instalação de energia solar
Crédito: Diego Fernandes26

Ultimas Noticias