24.1 C
Araçatuba
quarta-feira, agosto 17, 2022

Diretor do Unisalesiano anuncia o primeiro polo EAD em aldeia indígena 

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

A missão salesiana entre os povos indígenas existe há mais de 100 anos, com início em Mato Grosso, como sinal de solidariedade e compromisso com os povos Boe-Bororo e os Xavantes da região. E como forma de estender esse comprometimento com os indígenas para além da área assistencial, o Unisalesiano vai abrir o primeiro polo em EAD (Educação a Distância), do curso de Pedagogia, para os Boe-Bororo que vivem na aldeia de Meruri – distante mais de 900 quilômetros de Araçatuba.

A novidade foi divulgada pelo diretor-geral do Unisalesiano Araçatuba e do Colégio Salesiano “Dom Luiz Lasagna”, padre Erondi Tamandaré, durante a entrega simbólica das cinco toneladas de alimentos que foram arrecadados em uma campanha do Colégio. O montante será distribuído aos povos indígenas de Meruri (Boe-Bororo) e São Marcos (Xavante) por meio da expedição do projeto “Voluntariado Missionário”, que acontece entre os dias 30 de junho e 7 de julho.

Em relação ao polo EAD de Meruri, padre Erondi destacou que serão 40 vagas, com bolsas 100% integrais. “Profissionais do Unisalesiano que viajarão ao Mato Grosso pelo Voluntariado Missionário irão aplicar o Vestibular no sábado, dia 2 de julho”, contou.

Os aprovados terão direito às bolsas e serão acompanhados por tutores capacitados. “Eu sou descendente direto de indígena e eu me comovi porque sentimos que há necessidade de uma parceria contínua e fortalecida com os indígenas, que são os pobres dos pobres. E eu, por ser descendente, nunca deixo de lembrar deles”, ressaltou Pe. Erondi, ao citar que, no futuro, o polo EAD poderá ser ampliado para outras aldeias.

O pró-reitor de Ensino, Pesquisa e Pós-Graduação, professor André Ornellas, ressalta o fortalecimento da parceria entre Unisalesiano e comunidades indígenas com a inauguração do polo EAD de Meruri. “Levar a educação, a tecnologia e oferecer oportunidades de crescimento pessoal e profissional faz parte da missão dos salesianos”, frisou.

 

ALIMENTOS

A Coordenadora do Curso de Educação Física, professora Juliana Mitidiero, junto com a coordenadora do Curso de Psicologia, professora Mirella Justi, o pró-reitor de Pastoral, padre Paulo Jácomo, agentes de pastoral e aproximadamente 20 acadêmicos, levarão os alimentos para as aldeias de Meruri e São Marcos. O grupo sai hoje (30). de Araçatuba. “Foi uma surpresa para nós essa iniciativa do padre Erondi com a campanha de arrecadação no Colégio Salesiano. Teve um grande envolvimento dos alunos, movimentou a cidade. Além dos alimentos, arrecadamos também agasalhos e cobertores”, disse Juliana. 

 

Ultimas Noticias