Home Cidades Araçatuba Contrato de R$ 26 milhões com a Caixa será assinado nesta quarta-feira

Contrato de R$ 26 milhões com a Caixa será assinado nesta quarta-feira

6 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

ANTÔNIO CRISPIM – ARAÇATUBA

O prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, informou nesta segunda-feira que o contrato de empréstimo de R$ 26 milhões junto à Caixa Econômica Federal será assinado nesta quarta-feira (7). O dinheiro será investido no Programa Melhor Agora, que prevê a execução de 13 obras em diferentes pontos da cidade. O programa foi apresentado no dia 18 de junho e posteriormente o empréstimo foi autorizado pela Câmara.
Após a assinatura do contrato, a Caixa deve liberar a primeira parcela de R$ 5,2 milhões. As demais parcelas serão liberadas de acordo com a evolução das obras. Técnicos da Caixa também vão fazer o acompanhamento e as medições.
O secretário de Planejamento Urbano e Habitação, Tadeu Consoni, disse que em poucos dias serão liberadas as primeiras licitações. “Vai depender de dotação orçamentária”, explicou o secretário.
Em entrevista à Clube FM e O LIBERAL REGIONAL, o prefeito araçatubense disse que as primeiras obras a serem executadas são aquelas que independem de galerias ou licenças ambientais. Dilador confirmou que três obras são prioridade e devem ser as primeiras a serem licitadas: recapeamento total do Concórdia, pavimentação de trecho da Avenida Dois de Dezembro e pavimentação do Mão Divina.
Ao anunciar o pacote de obras, em junho, o prefeito Dilador Borges reforçou e seu posicionamento em relação à eliminação de problemas antigos de Araçatuba e que desafiaram sucessivas administrações. “Vamos rasgar outras bandeiras que estiveram presentes em muitas campanhas eleitorais como promessas. Os candidatos terão de buscar outras bandeiras”, disse o prefeito, enfatizando que o objetivo é também “destravar” a cidade, melhorando a mobilidade por meio de novas vias, como fez como a Juscelino Kubitschek e a Joaquim Pompeu de Toledo (em obras).

FINANCIAMENTO
O financiamento da Caixa é de R$ 26 milhões, divididos em cinco parcelas de R$ 5,2 milhões. No ato de assinatura de contrato será liberada a primeira parcela. A partir daí, sempre que for apresentada prestação de conta de 80% da parcela, será liberada a segunda. O pagamento será feito em 10 anos, sendo que nos dois primeiros a prefeitura vai pagar apenas os juros e a amortização do principal começará a partir do terceiro ano. Os juros são de 5,4% mais CDI, o que deve chegar a 11% de juros ao ano. No decorrer do pagamento, os juros podem cair, chegando a 0,6% ao mês.

AS OBRAS
As obras previstas são:
01 – Dois de Dezembro – da João de Arruda Brasil à Elyeser Montenegro Magalhães – R$ 7,136 milhões
02 – Mão Divina – galerias e pavimentação – R$ 1,4 milhão
03 – Café Filho – Entre Marcos Toquetão e São Francisco – R$ 2,994 milhões
04 – Jardim Moreira – Galerias e pavimentação – R$ 1,770 milhão
05 -Jardim Etharari – Galerias e pavimentação – R$ 905 mil.
06 – Jardim Pinheiro – Galerias e pavimentação – R$ 2,150 milhões
07 – Jardim Esplanada e áreas lindeiras da Lagoa do Lago Azul – galerias, desassoreamento – R$ 4,047 milhões
08 – Final da Porangaba – Galerias e pavimentação até a Elyeser Montenegro – R$ 340 mil
09 – Água Branca – Pavimentação – R$ 1.383 milhão
10 – Córrego Alvoradinha – obras de reconstituição e estabilização – R$ 800 mil
11 – Etelvino Pereira dos Santos – Galerias e recapeamento – R$ 1,663 milhão
12 – Recapeamentos diversos (Concórdia e várias outras ruas da cidade) – R$ 1 milhão
13 – Pavimentação – Prolongamento da Valdemar Alves e iluminação – R$ 410 mil.

 


Compartilhe esta notícia!