ESTUDIOSO - Professor Marco Aurélio Barbosa representa Birigui nas discussões DIVULGAÇÃO

Birigui integra projeto do Ministério da Economia para aferir concorrência dos municípios brasileiros

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – BIRIGUI

Birigui está entre os 15 municípios integrantes da fase piloto de elaboração do ICMB (Índice de Concorrência dos Municípios Brasileiros), projeto do Ministério da Economia. A cidade está contribuindo com ideias e propostas, por meio da SDE (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico). 

Conduzido pelas secretarias Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade e da Advocacia da Concorrência e Competitividade, a iniciativa tem o objetivo avaliar o ambiente de negócios dos municípios e estimular a melhoria da produtividade e competitividade das empresas brasileiras.

“Nossa inclusão no projeto é importante para o desenvolvimento de políticas públicas relevantes para melhorarmos o ambiente de negócios em nossa cidade, criando condições para acelerarmos ainda mais o crescimento econômico, a geração de emprego e renda”, avaliou o prefeito Leandro Maffeis.

 

ESTRUTURA

O ICMB é formado por três eixos: acessando o mercado local; competindo com os agentes já estabelecidos; e atuando sob um ordenamento jurídico justo. Birigui participará de seis encontros ajudando na revisão e discussão da operacionalização do índice.

“Nossa equipe se disponibilizou em contribuir com o ICMB por haver conexão com o nosso planejamento e as diretrizes de desenvolvimento do prefeito Leandro Maffeis, cujo objetivo é transformar Birigui em uma cidade acolhedora às empresas em atividade, de apoio ao empreendedorismo e na atração de novos investimentos”, destacou o secretário da SDE, Nivaldo Albani.

O material de estudo disponibilizado pelo Ministério da Economia para a elaboração do ICMB será incorporado na base de dados do Observatório Econômico e será usado pelo PDL (Programa de Desenvolvimento Local) para ampliar os pontos fortes e avançar nos aspectos que demandam aperfeiçoamento, visando alcançar o fortalecimento da economia local.

Além de Birigui, o projeto é composto por Porto Alegre (RS); Santa Maria (RS); Pelotas (RS); Maringá (PR); Mogi das Cruzes (SP); Itanhaém (SP); Colatina (ES); Aparecida de Goiânia (GO); Salvador (BA); Maceió (AL); Recife (PE); Campina Grande (PB); Boa vista (RR); Rio Branco (AC).

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Polícia Rodoviária Federal apreende quase uma tonelada de maconha em Penápolis

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – PENÁPOLIS No início da tarde de domingo (26), equipe da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *