Home Cidades Araçatuba Bairros da zona oeste registram mais casos de dengue em Araçatuba

Bairros da zona oeste registram mais casos de dengue em Araçatuba

7 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

A zona oeste de Araçatuba é a que possui os bairros com o maior número de casos de dengue do município em 2020, até aqui. O fato foi constatado pela nossa reportagem após balanço divulgado pela Vigilância Epidemiológica de Araçatuba no final da última semana.

O bairro com o maior número de casos na região é o Jardim Planalto, que registrou 38 pessoas com a doença neste ano. Também se destacam na zona oeste os bairros: Paraíso, com 34; Boa Vista, com 32; Jardim Palmeiras, com 31; Jardim Presidente, com 28; e Monte Carlo, com 19 casos.

Apesar da preocupação com a zona oeste, o bairro de Araçatuba com o maior número de casos de dengue até agora vem do outro lado da cidade. O bairro Umuarama, localizado na zona leste, tem 40 casos confirmados e é o que mais registra contaminações neste ano. O bairro rural Engenheiro Taveira, com 27 casos, também é outro local que traz preocupação para a Vigilância Epidemiológica.

Araçatuba registrou, até o final do mês de março, 869 casos da doença. Este número é 43% menor do que o registrado no mesmo período do ano passado. Nos primeiros 3 meses de 2019, Araçatuba já havia tido 1.522 casos de dengue.

O último balanço da Vigilância Epidemiológica trouxe um aumento no número de casos registrados em janeiro e fevereiro em relação ao penúltimo, isto porque vários resultados de exames foram divulgados na última semana. A cidade ainda não registra nenhum óbito por conta da doença neste ano. No ano passado, uma pessoa morreu por dengue em Araçatuba no mês de maio.

Andradina registra mortes por dengue no ano

De acordo com os últimos números divulgados pela Secretaria de Saúde de Andradina, o município possui 472 casos de dengue confirmados. Até o momento, só neste ano, já foram 5 mortes por dengue registradas.

O secretário da pasta, Farid Haddad, alertou à população para que cuide de suas casas e de seus estabelecimentos comerciais, já que amanhã as lojas voltam a abrir na cidade.

Após pressão, Lins volta a divulgar números da dengue

Somente após pedidos de munícipes através das redes sociais, a Prefeitura de Lins passou a divulgar os casos de dengue na cidade. Nas últimas semanas, foram muitos os pedidos na página do poder executivo no facebook, principalmente em postagens relacionas às atualizações sobre o panorama do coronavírus.

Segundo boletim divulgado na última sexta-feira, Lins possui 322 casos positivos de dengue no ano. São ainda outros 328 casos suspeitos e 142 que deram resultado negativo para a doença.

Três Lagoas é a terceira cidade do Mato Grosso do Sul com o maior número de notificações

Os últimos dados da dengue em Três Lagoas foram atualizados na terça-feira, último dia do mês de março. Segundo a Secretaria de Saúde do município, foram confirmados até agora 1.855 casos positivos de dengue, sendo que outros 584 ainda aguardam resultados dos exames. 630 casos já foram descartados. No total, foram notificados 3.069 casos suspeitos em 2020.

De acordo com o boletim, a 13ª semana epidemiológica do ano, fechada no final de março, contou com 71 notificações, número bem abaixo dos 161 registrados na semana anterior.

Em todo o estado do Mato Grosso do Sul, os números são alarmantes. Dos 79 municípios do estado, 75 estão com alta incidência da doença, sendo que Três Lagoas é a terceira cidade com maior número de notificações, apenas atrás de Campo Grande e Corumbá.

São até agora mais de 40 mil casos notificados em todo o estado e 21 mortes já foram registradas desde janeiro.


Compartilhe esta notícia!