Home Cidades Araçatuba Atividades físicas e ações de beleza movimentam o Dia Mundial do Rim na Santa Casa

Atividades físicas e ações de beleza movimentam o Dia Mundial do Rim na Santa Casa

7 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Nesta quinta-feira, o Hospital do Rim na Santa Casa de Araçatuba realizou ações relativas ao Dia Mundial do Rim, lembrado ontem e que faz parte do calendário da Organização Mundial da Saúde.
Os pacientes que passam por tratamento no local tiveram um dia diferente com vários tipos de atividades. A abertura foi logo pela manhã, que contou com um café da manhã especial. Foram feitos exercícios, orientações sobre a doença, massagens e o dia de beleza, este último realizado pela equipe da Drogamax, de Araçatuba.
De acordo com Carlyle Marinho Júnior, fisioterapeuta e professor universitário que organizou as atividades no Hospital do Rim, é importante fazer o alerta já que doenças que podem comprometer o rim são silenciosas. “A doença renal vem de vários fatores que são silenciosos e que provém de um hábito de vida errado da pessoa, um estilo de vida inadequado, uma alimentação inadequada, o hábito tabágico, o não controle da pressão arterial. Essa pessoa acaba desenvolvendo fatores de risco que fazem progredir a doença de uma forma silenciosa”, afirmou Marinho Júnior.
Entre as principais atividades do dia no Hospital do Rim da Santa Casa esteve o dia de beleza. Promovido pela farmácia Drogamax, de Araçatuba, o trabalho teve o objetivo de melhorar a autoestima das pacientes com aplicação de maquiagem e cuidados com os cabelos. De acordo com o gerente de marketing da Drogamax, Rafael Santos, é importante cuidar do bem-estar dos pacientes. “Pelo menos no dia de hoje, pelo menos um pouquinho, queremos deixar claro que a luta deles também é nossa, eles estão dando sequência no tratamento e a Drogamax se importa com eles como própria política e valores da empresa”, explicou Santos.
Sebastiana Ananias Arão, de 83 anos, é moradora de Nova Luzitânia, e realiza tratamento de hemodiálise em Araçatuba há mais de 1 ano, segundo ela própria. Três vezes por semana no local realizando sessões de hemodiálise de 4 horas por dia, ela não perde o sorriso e ficou feliz com o dia de beleza promovido nesta quinta-feira. “Me pegaram de surpresa, nem sabia que ia participar, estou surpresa com isso. Gostei, vixe (risos)”, afirmou. Sebastiana afirmou que as sessões de hemodiálise por vezes a deixam fraca. “As vezes fico com o corpo meio cansado, chego em casa e fico um pouco deitada. Tem dia que eu faço e não sinto nada, e assim vai indo. Mas faço minhas atividades normalmente, graças a Deus”, completou.
Médico dá dicas para evitar problemas nos rins
O doutor Guilherme Ugino, médico nefrologista que atua no Hospital do Rim em Araçatuba, explica que hipertensão e diabetes são grandes causas de problemas renais. “A gente tem como principais doenças que acometem o rim, principalmente hipertensão e diabetes. A gente sabe que existem outras. Existem fatores de risco para paciente com histórico familiar, obesidade, tabagismo, e aqueles com mais de 50 anos que usam anti-inflamatórios. Mas 65% são por hipertensão e diabetes”, explicou o médico.
Segundo doutor Guilherme, é necessário fazer a prevenção durante toda a vida para evitar complicações renais. “Nossa principal mensagem no dia de hoje é, dosar a sua creatinina, que é um exame fundamental no diagnóstico, e prevenir todas essas doenças que a gente citou. Se o paciente não faz a correta prevenção, ele pode evoluir para uma doença renal crônica terminal, que é aquela que necessita de hemodiálise, e também existem outros procedimentos como diálise peritoneal e transplante renal”, concluiu o nefrologista.

 


Compartilhe esta notícia!