AGILIDADE - Novo espaço garante rapidez no atendimento aos pacientes com sintomas leves DIVULGAÇÃO

Atendimento a pessoas com sintomas leves de covid-19 tem início na UBS 1

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – BIRIGUI

Teve início na sexta-feira (16), o protocolo de atendimento, testagem e tratamento imediato de pessoas com sintomas leves de covid-19 pelo projeto Birigui Pela Vida. O acolhimento está sendo feito na UBS 1 (Unidade Básica de Saúde) da Vila Bandeirantes, em parceira com a Prefeitura de Birigui.

Os testes e remédios são fornecidos de forma gratuita pelo projeto. Somente nos dois primeiros dias de consultas, 190 pessoas fizeram o exame de PCR por Swab (cotonete), sendo que 46 testaram positivo para covid. Esses pacientes já estão em tratamento e isolamento social, sendo monitorados.

Em vídeo do movimento publicado nas redes sociais, o médico André Luiz Batista explica que “a testagem em massa é fundamental para isolar as pessoas que estão infectadas ou sob suspeita da doença. Isso ajuda a controlar a propagação do vírus, por exemplo, em locais públicos”, disse.

 

ATENDIMENTOS

A secretária de Saúde, Cássia Rita Santana Celestino orienta a população a procurar atendimento médico aos primeiros sintomas suspeitos de covid-19. “A intenção do projeto Birigui Pela Vida é identificar quem está doente, fazer o tratamento adequado e acompanhar a evolução clínica do paciente para evitar internações”, explicou.

Por isso, as pessoas com sintomas respiratórios leves, como tosse, febre, dor de garganta e coriza, e que residam nas áreas de cobertura das UBSs 1, 4, 7, 8 e 9, devem procurar o posto da Vila Bandeirantes, que atende das 7h30 às 11h e das 13h30 às 16h, de segunda a sexta-feira.

Já os moradores das UBSs 2, 3, 5, 6, 10 e 11 podem continuar procurando os postos de referência, das 13h às 18h, que também estão fazendo os exames. Para os sintomas graves, como falta de ar, a recomendação é ir direto ao Pronto Socorro Municipal.

Os atendimentos na UBS da Vila Bandeirantes são feitos em ambiente isolado dos demais públicos que procuram a unidade para vacina e outras consultas. A equipe é composta por dois médicos e dois residentes, dois enfermeiros, três técnicos de enfermagem, uma farmacêutica e dois estagiários.

Estão sendo prescritos pelos médicos medicamentos autorizados pelo Ministério da Saúde, de acordo com quadro de saúde de cada pessoa. Os remédios para o tratamento imediato são receitados em diálogo com o paciente, sendo sempre respeitada a opinião dele.

 

BIRIGUI PELA VIDA

Formado pela união de pessoas físicas, empresários, entidades sociais e filantrópicas, clubes de serviços, sindicatos, entidades de classe e poder público, o Birigui Pela Vida tem como objetivo reduzir os casos graves que levam à internação hospitalar e as mortes provocadas pela doença.

Para o prefeito Leandro Maffeis, o projeto Birigui Pela Vida veio para somar com a vacinação. “Poder público, entidades e o povo de Birigui estão unidos por essa grande causa. A nossa guerra é contra essa pandemia e tudo será feito para vencermos essa batalha”, afirmou.

Maffeis também lembrou que os cuidados sanitários básicos como uso de álcool em gel, evitar aglomerações, uso de máscara facial ao sair de casa e manter o distanciamento social continuam sendo fundamentais para o enfrentamento da covid-19.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Araçatuba teve mais 47 casos e duas mortes por covid-19 ontem

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – ARAÇATTUBA Araçatuba teve duas novas mortes e divulgou 47 novos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *