Home Cidades Araçatuba Apesar da queda no índice de Aedes, trabalho deve continuar

Apesar da queda no índice de Aedes, trabalho deve continuar

2 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

O primeiro Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) de 2019, realizado em janeiro, apresentou índice de 4,9 e a cidade tinha 14 casos da doença. Em maio, foi divulgado novo levantamento, chegando ao índice de 5,8. A Vigilância Epidemiológica divulgou, também na época, a atualização dos casos da doença, chegando a 1.742.. Nesta sexta-feira (23) foi divulgado novo levantamento, com índice de 2,6. Já na atualização dos casos de dengue, foram informados 7,5 mil.
Araçatuba mantém diferentes serviços e ações de combate ao mosquito. Além de trabalho junto às unidades de saúde e em escolas, há o Comitê Institucional de Combate ao Aedes aegypti, que é composto por colaboradores de todas as secretarias municipais. As reuniões são bimestrais para discutir as ações do Comitê dentro da prefeitura.
LEVANTAMENTO
O Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti consiste num mapeamento da infestação do mosquito Aedes aegypti. O LIRAa é dado pelo percentual do número de imóveis com focos do mosquito, entre os escolhidos de uma região em avaliação, em que se encontram larvas em recipientes com água acumulada. No levantamento realizado este mês, os principais locais onde foram encontradas larvas foi em vasos com plantas.

 


Compartilhe esta notícia!