Home Cidades Araçatuba Alunos de Engenharia apresentam projeto sobre mobilidade elétrica e energia fotovoltaica

Alunos de Engenharia apresentam projeto sobre mobilidade elétrica e energia fotovoltaica

7 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

Um carro que funciona com a energia solar. Esse é o projeto criado pela Equipe ONE (Orgânico Natural Ecológico) do Unisalesiano, composta por quatro alunos dos cursos de Engenharia: Gabriel Lopes (Mecânica), Matheus Moura (Mecatrônica), Rodrigo Arias (Mecânica) e Wellington Fukushima (Mecânica), além do analista de sistemas, Carlos Alberto Aranha, que é presidente do projeto.
Por meio de uma parceria com Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Relações do Trabalho, da Prefeitura de Araçatuba, e a Renault, os alunos do Unisalesiano criaram placas fotovoltaicas para serem instaladas no veículo Renault Twizy, que é elétrico, proporcionando maior autonomia.
Esse projeto foi inscrito e apresentado na manhã desta quarta-feira, no Programa Startup SP, do Sebrae-SP. O objetivo é selecionar startups inovadoras, com alto potencial de crescimento, que utilizem a tecnologia digital como ponto central do seu modelo de negócio e que já tenham realizado interações iniciais com seus clientes para validações da problemática e MVP (mínimo produto viável).
Na apresentação, o aluno Matheus Moura explicou para integrantes da bancada do Sebrae que os painéis fotovoltaicos flexíveis, fabricados pela empresa Hanergy, são acoplados na carroceria do Twizy e carregam suas baterias quando há luz solar.
“Com isso, tem uma autonomia ampliada para até 115 quilômetros, sendo 15 quilômetros somente com energia solar e 100 quilômetros com as baterias carregadas”, contou.
De acordo com Aranha, presidente da equipe, não há estrutura no Brasil voltada ao abastecimento e manutenção de um carro elétrico. Como exemplo, não dá para viajar de Araçatuba até São Paulo com um carro elétrico; apenas até São José do Rio Preto, onde existe eletropontos.
“A nossa ideia é criar energia renovável fotovoltaica, já que a nossa região, nossa cidade, é solar. Dá para gerar 12 horas de energia por dia e criar sistemas de auto carregamento em energia fotovoltaica para que as pessoas possam viajar até São Paulo, gastando R$ 6 para andar 100 quilômetros”, explicou.
Além disso, a equipe ONE tem o intuito de criar uma loja física e virtual de marketplace, em parceria com a Renault, para venda de produtos e serviços nas áreas de mobilidade elétrica, energia fotovoltaica, sustentabilidade e qualidade de vida. “Participar do Startup-SP é uma forma de ampliar e viabilizar o projeto e nosso modelo de negócio”, disse o aluno de Engenharia.
O resultado da seleção das startups será divulgado até o final deste mês. As que forem selecionadas serão incluídas em um programa que tem duração de quatro meses e oferece workshops, acompanhamento do negócio, conexão com o ecossistema e mentoria com parceiros de mercado.
RENAULT EXPERIENCE
O projeto da Equipe ONE, que tem como professor orientador, Fernando Eguia, é originário do programa Renault Experience, que foi criado em 2008 com o objetivo de estimular universitários de todo o país na busca por soluções que facilitem o dia a dia da sociedade.
O Unialesiano inscreveu o Projeto ONE na categoria “Desafio Twizy”, em novembro do ano passado e foi classificado, chegando até a fase de pré-aceleração. De acordo com o coordenador dos cursos de Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica e Engenharia Mecatrônica do Unisalesiano, professor Nelson Hitoshi Takiy, a equipe participou ativamente de mentorias e tutorias online.
“O projeto não foi classificado para a fase de aceleração, mas participar do programa foi uma experiência muito interessante”, disse o coordenador, ao concluir que o desafio se tratava de um concurso de validação e testes, e o Projeto ONE Unisalesiano Araçatuba já nasceu como uma solução totalmente validada e testada pelo mercado.


Compartilhe esta notícia!