23.6 C
Araçatuba
sábado, maio 21, 2022

Acadêmicos conquistam média acima da nacional no Teste de Progresso

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

O ensino-aprendizagem do Curso de Medicina do Unisalesiano é destaque no Brasil. Isso porque as notas dos acadêmicos participantes do Teste de Progresso Nacional 2021, aplicado pela Abem (Associação Brasileira de Ensino Médico) em novembro do ano passado, ultrapassou a média nacional.

O Curso de Medicina do Unisalesiano foi representado por 445 acadêmicos, matriculados nos 1º, 2º, 3º, 4º, 5º, 6º e 8º termos. No total, participaram do teste 67.872 estudantes de 150 faculdades brasileiras.

“Nossos acadêmicos se inscreveram de forma espontânea, estavam preparados e conscientes sobre a importância de adquirir essa métrica para autoavaliação”, afirmou o Coordenador do Curso de Medicina do Unisalesiano, Dr. Antônio Poletto.

Ele comemorou a conquista, ressaltando que a prova é isenta e aplicada por uma entidade reconhecida em todo o país. “É como se fosse uma auditoria do processo de ensino-aprendizagem e nossos acadêmicos atingiram um excelente resultado”, enalteceu Poletto, que agradeceu os docentes pelo estímulo e inspiração. “Hoje, temos mais de 70 professores médicos e todo o corpo docente merece ter o trabalho coroado por meio dessas conquistas.”

 

PROGRESSIVO

O Teste de Progresso é uma avaliação cognitiva que verifica se o ganho de conhecimento por parte do estudante está sendo contínuo e progressivo, e como o conhecimento está sendo elaborado e consolidado nas áreas básicas e clínicas, importantes para o aproveitamento do internato e o desenvolvimento final do profissional.

Um dos grandes diferenciais do Curso de Medicina do Unisalesiano, segundo afirmou o pró-reitor de Ensino, Pesquisa e Pós-Graduação, professor André Ornellas, é o método de ensino aplicado no curso, chamado metodologia ativa.

“O Unisalesiano investiu muito nisso porque é uma exigência do MEC (Ministério da Educação). Sem contar o alto investimento na infraestrutura tecnológica, com aquisição da Plataforma Multidisciplinar 3D, bonecos simuladores computadorizados, e muito mais”, elencou.

Por fim, o diretor geral do Unisalesiano de Araçatuba, padre Erondi Tamandaré, afirmou que esses resultados demonstram a importância regional, nacional e mundial da Organização Salesiana de Educação em todos os níveis de formação intelectual.

“A metodologia ativa representa uma dimensão pedagógica em consonância com os pilares da Educação Salesiana. Conquistas como essa demonstram a importância da Organização Salesiana para o desenvolvimento da região de Araçatuba pela seriedade, competência e legalidade de todas as suas ações”, concluiu Pe. Erondi.

DEPOIMENTOS

Confira abaixo os depoimentos dos acadêmicos do Curso de Medicina do UniSALESIANO que prestaram o teste de progresso da ABEM:

O teste de progresso foi muito bem estruturado e coerente com as situações clínicas que vemos no dia a dia. As questões são muito bem elaboradas e, em sua maioria, exigem um raciocínio clínico estruturado. Por isso, acredito que o bom desempenho dos estudantes é fruto da metodologia ativa adotada pelo UniSALESIANO. Muitas questões abordaram patologias importantes com casos clínicos semelhantes aos discutidos nas tutorias PBL.

Caroline Marques de Andrade, 9º termo

O teste de progresso foi extremamente importante, pois assim, conseguimos identificar nossas falhas que ainda podem ser corrigidas até prestarmos as provas de residência, em 2023. Dessa forma, termos bons resultados e, como consequência, aprovações. Foi uma prova extensa, mas que contemplou diversos temas que já nos foram ensinados.

Mirella Mayumi Yazawa – 9º termo

O teste de progresso é uma ótima oportunidade de metrificarmos o conhecimento que adquirimos até a correspondente etapa do curso. Dessa forma, podemos ver com clareza pontos fortes (aqueles em que tivemos melhor desempenho) e pontos que precisam ser melhorados. Além de que o certificado de realização da prova pontua em alguns editais de residência médica, uma boa vantagem para quem almeja uma vaga.

Renata de Souza Jardim – 9° termo

O teste de progresso, do ponto de vista acadêmico, tem muito a agregar se o aluno o enxerga como uma oportunidade de autoavaliação, pela maneira como gera um feedback de conhecimentos e também desconhecimentos. Além disso, também é uma forma de adquirir experiência no formato de provas longas, como são as de residência médica, por exemplo.

Luana Nozela – 1º termo

 

Ultimas Noticias