APOIO - Secretaria acelera trabalhos de apoio aos produtores rurais do município

Risco de seca extrema leva secretaria de Agricultura a acelerar programa “Campo Acolhedor”

DA REDAÇÃO – CASTILHO

Mesmo com a mudança de prédio, a Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo de Castilho não diminuiu o ritmo intenso das suas atividades. Durante a semana passada, os diferentes setores da pasta deram continuidade a diferentes projetos já em andamento e também receberam representantes dos produtores rurais para discutir melhorias nas políticas públicas de fomento à produção agropecuária.

O secretário José Carlos Justi se reuniu com os presidentes das associações dos assentamentos do município e os membros do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural. O objetivo do encontro é conhecer melhor as necessidades das famílias assentadas e buscar as melhores formas do Poder Público auxiliar no aumento da produção.

Enquanto isso, a equipe técnica de preparo do solo do programa “Campo Acolhedor” mantém o cronograma acelerado, realizando diversos projetos em várias propriedades do município. A equipe reflete o entusiasmo conjunto dos produtores e da própria Administração, e está empenhada no processo.

Este empenho é considerado prioridade para o prefeito Paulo Boaventura, que autorizou a criação do programa em caráter preventivo, já que a mais recente previsão divulgada pela Agência Nacional de Água para o segundo semestre deste ano, é de que as regiões Noroeste Paulista e do Triângulo Mineiro enfrentarão seca extrema nos próximos meses.

“Nossa equipe de solo esteve no assentamento Pendengo na semana passada e segue em ritmo acelerado. Nosso objetivo primário é impedir que o gado passe fome por causa desta possível seca, o que comprometeria também a nossa produção leiteira e a renda direta dos produtores. Nossa estratégia é prevenir para não ter que remediar”, afirmou Boaventura.

 

OUTROS TRABALHOS

Assim como a Secretaria de Obras se esforça ao máximo para manter a imensa malha viária rural de Castilho em boas condições de trânsito para facilitar o transporte de pessoas e produtos, a Secretaria de Agricultura mantém seu programa de conservação das estradas rurais. Na semana passada, outra equipe destacada por José Carlos Justi finalizava a construção de “caixas secas” às margens de estradas do Assentamento Pendengo. Tais caixas impedem que as águas das chuvas causem erosões nas propriedades rurais.

Da mesma forma, o trabalho de escavação de tanques para criação de peixes continua sendo realizado de forma ininterrupta pela Secretaria de Agricultura.

 

Veja também

Construtora utiliza reciclador de entulho em obras e entrega edifícios com captação de água da chuva

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA A sustentabilidade e a convivência entre o desenvolvimento e o meio …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *