RECONHECER - Conquista é resultado de projetos que valorizam iniciativas dos colaboradores

Iguá é eleita pelo quarto ano consecutivo uma ótima empresa para se trabalhar

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

Em 2020, a Iguá Saneamento, uma das controladoras da Águas Andradina e da Águas Castilho, foi novamente certificada pela consultoria Great Place to Work (GPTW) como uma ótima empresa para se trabalhar, título que a companhia mantém desde o seu primeiro ano de atuação, em 2017.

A conquista é resultado de uma série de projetos que a Iguá vem desenvolvendo junto aos seus colaboradores, como o “Manda Bem”, que incentiva e reconhece inovações criadas pelo time interno, sendo inclusive implementadas nas operações da companhia. O “Programa Bem Estar” também se destaca por engajar os profissionais da Iguá a cuidarem de sua saúde física e mental, por meio de realização de palestras, participação em maratonas (interrompidas durante a pandemia), entre outras ações.

Segundo Erica Silvino, head de Gestão de Gente e Cultura na Iguá, a companhia estrutura novos projetos para seguir contribuindo com o desenvolvimento de seus funcionários. “Vamos continuar investindo em nossos colaboradores, valorizando o que eles têm de melhor, além de criar mecanismos avançados de desenvolvimento, inclusive com desafios ambiciosos”, disse ela.

O cuidado com seus integrantes é parte do DNA da empresa. “Temos compromisso e responsabilidade com o cuidado e a valorização de nossos colaboradores – pessoas talentosas e dedicadas ao saneamento, e que merecem ser reconhecidas por suas contribuições e estimuladas a crescer com a companhia, fazendo da Iguá um lugar ainda mais incrível para se trabalhar”, afirmou Carlos Brandão, CEO da Iguá.

RECONHECER – Conquista é resultado de projetos que valorizam iniciativas dos colaboradores

Compartilhe esta notícia!

Veja também

Andradina faz prevenção contra a covid e mantém cadastramento do SUS

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – ANDRADINA Com elevada ocupação de leitos para tratamento da Covid …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *