20.3 C
Araçatuba
terça-feira, agosto 9, 2022

Jardineiro foge da polícia e acaba detido minutos depois por embriaguez ao volante

Um jardineiro de 30 anos de idade foi preso na tarde de domingo (19) depois de ser flagrado conduzindo uma motocicleta embriagado pela rodovia Elyeser Montenegro Magalhães (SP-463), no trecho urbano de Araçatuba. O homem fugiu da polícia e ainda resistiu à prisão.

 

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os policiais rodoviários faziam fiscalização de rotina pela rodovia quando deram ordem de parada ao condutor da moto Honda/CG 150 Titan. Ele estava acompanhado de uma mulher na garupa.

 

O suspeito não obedeceu a ordem de parada e acelerou, na clara predisposição de fugir da viatura. A partir de então, os policiais começaram a perseguir a motocicleta por aproximadamente dois quilômetros. O veículo só parou já às margens da pista, na rua Brigadeiro Faria Lima.

 

Ao ser entrevistado, o homem apresentava sinais típicos de embriaguez, como voz pastosa, odor etílico e olhos avermelhados. Além disso, as equipes tiveram uma surpresa ao saber que o suspeito também não era habilitado para conduzir motos. Ele foi convidado a fazer o teste do bafômetro e aceitou. O resultado foi de 0,54 miligramas por litro de ar alveolar, o que configura o crime de embriaguez ao volante.

 

Com essas evidências e pelo risco que o jardineiro ofereceu a outros motoristas durante a fuga, os policiais deram voz de prisão a ele e o informaram que seria encaminhado até a Central de Polícia Judiciária. Ao saber disso, o indiciado ficou alterado, segundo o registro policial, e resistiu à prisão. Por isso, ele teve que ser algemado, já que existia o receio de fuga.

 

O rapaz foi levado até a delegacia, onde prestou depoimento. O delegado plantonista manteve a prisão em flagrante por embriaguez ao volante, dirigir sem permissão, desobediência e resistência. Ele permaneceu à disposição da Justiça. Um inquérito foi aberto pelo terceiro distrito policial do município para dar andamento às investigações sobre o caso.

Ultimas Noticias