Homicídios diminuem na região de Araçatuba, mas furtos aumentam

Compartilhe esta notícia!

A região de Araçatuba terminou o mês de abril com redução nos casos e vítimas de homicídios dolosos e latrocínios, bem como nas ocorrências de furtos de veículos. Os indicadores de roubos a bancos e extorsões mediante sequestro permaneceram zerados. Já os furtos em geral tiveram aumento, conforme dados divulgados na tarde dessa terça-feira (25) pela Secretaria da Segurança Pública.

Os casos e vítimas de mortes intencionais passaram de quatro para três registros cada, se analisado o quarto mês de 2020 e deste ano. Ambos os totais são os segundos menores da série histórica, iniciada em 2001.

Com isso, as taxas dos últimos 12 meses (de maio de 2020 a abril de 2021) ficaram em 7,27 ocorrências e 7,65 vítimas de homicídios dolosos para cada grupo de 100 mil habitantes.

A queda se estendeu para os latrocínios, que tiveram os indicadores de casos e vítimas zerados. Em abril do ano passado foi registrado um boletim com uma vítima deste crime.

Nos estupros a redução foi de duas ocorrências – passou de 19 para 17.

OUTROS INDICADORES

Os furtos de veículo caíram 56,8% no mês passado, em comparação com abril de 2020. A quantidade passou de 37 para 16 – o menor total da série histórica.

Em contrapartida, os furtos em geral subiram de 425 para 584, o que significou um aumento de 37,4%.

Pela 19ª vez na série histórica, não foram registrados boletins de roubos a bancos na região, no período. Semelhante ocorreu com o indicador de extorsões mediante sequestro, que permanece zerado desde 2001.

Outra modalidade criminosa que não contabilizou registros foram os roubos de carga – resultado também obtido em abril do ano passado.

PRODUTIVIDADE

O trabalho das polícias paulistas em abril, na região de Araçatuba, resultou em 330 prisões e na apreensão de 21 armas de fogo ilegais. Também foram registrados 108 flagrantes por tráfico de entorpecentes.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Professor embriagado bate em carro parado

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA Um professor de 38 anos foi conduzido ao plantão …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *