20.4 C
Araçatuba
quinta-feira, maio 26, 2022

GOE prende três por tráfico e apreende dezenas de pinos contendo cocaína

Três homens foram presos na madrugada de sexta-feira (09) em dois pontos distintos de Araçatuba por tráfico de drogas. As apreensões foram feitas por policiais civis do GOE (Grupo de Operações Especiais).

O primeiro caso ocorreu na rua Clóvis Bevilaqua, no bairro Jardim Alvorada. De acordo com informações do boletim de ocorrência, os policiais civis já tinham informações de que estaria acontecendo o tráfico de entorpecentes no endereço e, diante disso, decidiram ir até o local com uma viatura descaracterizada.

Chegando lá, antes da abordagem ser feita, as equipes passaram a acompanhar um pouco e perceberam grande movimentação de usuários de drogas que eram atendidos pelo suspeito. Diante disso, a polícia decidiu fazer a abordagem.

O desempregado, de 25 anos de idade, foi revistado. No bolso da calça que ele vestia foi localizada a quantia de R$ 70,00 em dinheiro. Ele confessou que estava ali vendendo cocaína e indicou o local onde escondia seis pinos: sobre o pneu dianteiro de um veículo VW/Voyage. O homem disse também que vendia cada unidade por dez reais, mas permaneceu em silêncio quando questionado sobre a procedência dos objetos ilícitos.

Com as evidências, os policiais deram voz de prisão em flagrante ao indiciado e o levaram até a delegacia, onde ele prestou depoimento. O delegado plantonista manteve a prisão e o deixou à disposição da Justiça. Um inquérito foi aberto pelo segundo distrito policial do município para dar andamento às investigações sobre o caso.

MAIS PRISÕES

Ainda durante a madrugada, pouco mais de uma hora depois da primeira ocorrência, as equipes do GOE fizeram uma nova apreensão, dessa vez na rua dos Buritis, no bairro Parque Industrial. Os policiais faziam patrulhamento de rotina quando foram até uma chácara e perceberam movimentação de usuários de drogas.

Em determinado momento, a polícia percebeu que dois indivíduos desconhecidos faziam a entrega de objetos suspeitos às pessoas. Logo em seguida foi feita a abordagem. Os indiciados, identificados como um ajudante de pedreiro de 22 anos e um servente, de 28, tentaram fugir mas não conseguiram.

Na revista pessoal e nas imediações foram encontrados 45 pinos contendo cocaína. Um garçom, de 25 anos, se escondeu em um galinheiro. Ele disse que estava ali para comprar drogas e havia acabado de adquirir quatro pinos do entorpecente e dado R$ 40,0 em dinheiro aos dois suspeitos.

Com isso, os três homens foram levados para a Central de Flagrantes, onde prestaram depoimento. O servente e o ajudante tiveram a prisão mantida e foram encaminhados para a cadeia pública de Penápolis após a realização de audiência de custódia na manhã de sexta-feira (09). Já o garçom foi ouvido e liberado algum tempo depois.

Ultimas Noticias