17.7 C
Araçatuba
quarta-feira, junho 29, 2022

Mesmo sem Náutico derrubar penhoras, Erick viaja para assinar com o Braga-POR

Após assistir pela televisão à derrota do Náutico para o Ceará por 1 a 0, o atacante Erick viaja neste sábado para Portugal para assinar contrato de cinco anos com o Braga-POR. O jogador, no entanto, embarca sem que o departamento jurídico do clube pernambucano tenha conseguido reverter as duas ações na Justiça Cível que penhora parte dos direitos econômicos do prata da casa para pagamento de dívidas com o volante Magrão (R$ 1 milhão) e o zagueiro William Alves (R$ 216 mil). Os advogados timbus ainda esperam a decisão do desembargador responsável pelo caso sobre a contestação alvirrubra.

No entanto, o prego para a venda do atacante já foi batido. Na negociação, o Náutico receberá R$ 2,8 milhões, sendo 1,5 milhão pago à vista e o restante em mais duas vezes e a depender da produtividade do jogador na Europa. Após Erick realizar suas dez primeiras partidas pelo Braga, o Náutico terá direito a mais R$ 650 mil. Mesmo valor pago em caso o avançado repita mais 10 jogos.

Essa quantia, por sinal, será usada para completar o pagamento dos salários de julho ao elenco profissional (está em aberto desde o dia 10), bem como para os salários atrasados dos funcionários, que não recebem desde abril. Vale lembrar que, para isso, será preciso derrubar as penhoras na Justiça.

Como despedida, Erick gravou um vídeo que será publicado neste sábado, no site oficial do Náutico. Nele, o prata da casa, de 19 anos, agradece o período passado no clube. O jogador é a maior revelação do Náutico nos últimos anos.

No começo da temporada, foi o artilheiro do time na Copa São Paulo de Juniores, com quatro gols. Integrado aos profissionais, não demorou para ser titular absoluto da equipe. Ao todo, em 38 partidas, marcou nove tentos, sendo o goleador máximo do clube nesta temporada.

Da Redação

Ultimas Noticias