PRONTO - Devido à pandemia, programação é diferente, com palestra e número restrito de pessoas

USF Nova Três Lagoas realiza ação de orientações e prevenção ao câncer de pele

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS

A Secretaria Municipal de Saúde de Três Lagoas, por meio da equipe da Unidade de Saúde da Família (USF) “Nova Três Lagoas”, realiza ação de orientações e prevenção ao câncer de pele, no período da manhã de quarta-feira (09) e quinta-feira (10).

Esta programação está inserida na campanha “Dezembro Laranja”, um mês de conscientização e prevenção ao câncer de pele e. devido à situação da pandemia da Covid-19, algumas das ações estão sendo restritas a um grupo pré-selecionado de pessoas para evitar aglomerações.

Numa primeira ação, como informou a coordenadora da USF “Nova Três Lagoas”, enfermeira Andréia Lima, a equipe dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS), nas visitas domiciliares de rotina, está distribuindo folders educativos às famílias sobre o câncer de pele e a necessária prevenção.

“É uma forma de alertarmos e conscientizarmos a população para a importância da identificação precoce do câncer de pele, para evitarmos assim mutilações profundas no futuro”, orientou a enfermeira Andréia.

“Nossa equipe de ACS foi orientada a também realizar busca ativa, principalmente, entre as pessoas de cor clara, ruivas e com manchas ou lesões sugestivas de câncer de pele para que participem das palestras de orientações e prevenção”, antecipou a enfermeira Andréia.

As palestras abordarão temas sobre prevenção, tratamento, quando procurar um médico e diferentes tipos de câncer de pele. Estes assuntos serão abordados pela médica dermatologista, Naiara Dalaqua Silva, da equipe do SAD – Serviço de Atenção Domiciliar da SMS.

Entre as principais orientações de prevenção ao câncer de pele está o uso de óculos escuros, roupas de manga comprida, boné ou chapéu, uso costumeiro de protetor solar e evitar exposição ao sol, das 10h às 16h.

 

TIPOS DE CÂNCER

Com mais de 175 mil novos casos por ano, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de pele é o de maior incidência no Brasil e o mais comum entre os seres humanos. Estima-se que 1 entre cada 4 casos de câncer diagnosticados se origine na pele ou nas mucosas.

Curável, em sua grande maioria, quando detectado precocemente, o câncer de pele é causado pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. Existem diversos tipos de câncer de pele, divididos em dois grupos principais: os melanomas e os carcinomas (também conhecidos como “câncer de pele não-melanoma”).

As características dos melanomas e dos carcinomas são bem distintas, desde o aspecto da lesão até o prognóstico. Confira a seguir:

 

Carcinomas

São o tipo mais comum, representam cerca de 95% dos tumores malignos de pele, sendo o carcinoma basocelular, o mais comum e menos agressivo, e o carcinoma espinocelular, o mais grave.

 

MELANOMA

O melanoma é menos frequente (5%) que outros tumores de pele, porém costuma ter comportamento mais agressivo. Tem origem a partir dos melanócitos, que são as células responsáveis pela produção do pigmento (melanina) que dá cor à pele. Por isso, costumam se manifestar como pintas de cor escura (negro ou castanho).

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Temporada de pesca começa com alto índice de conscientização ambiental

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS A temporada de pesca esportiva e profissional nos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *