ASSUSTOU - Nuvem de poeira assusta moradores de Castilho

Tempestade de areia volta a cobrir cidades da região e causa apreensão

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

Na tarde dessa sexta-feira várias cidades da região foram cobertas por tempestade de areia, o mesmo fenômeno que passou por Araçatuba, Franca, Ribeirão Preto e outras cidades. O tempo se formou rapidamente. Rajadas de vento que ultrapassaram 100km/h em Presidente Prudente também passaram pela região. Castilho, Andradina, Ilha Solteira, Pereira Barreto e Três Lagoas sofreram com a nuvem de poeira que cobriu as cidades. Além disso, o vendaval causou muitos estragos e provocou incêndios. Segundo a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) Andrea Ramos, os dias secos e quentes favoreceram a tempestade de areia.
“A nova tempestade de areia no Oeste paulista, perto do Mato Grosso do Sul, se deu com a chegada de fortes áreas de instabilidade que avançaram a partir do Sul do Brasil e que provocaram granizo e vento forte nos três estados do Sul entre quinta-feira e sexta-feira”, postou a Metsul em seu portal.
Em Castilho, o brigadista Messias Donega conseguiu fazer imagens de drone quando a nuvem de areia se aproximava da cidade. A imagem é impressionante. Já em Pereira Barreto, pessoas que estavam na praia fizeram imagens da nuvem de areia que parecia sair do Rio Tietê. A Ilha Solteira também ficou coberta.
A cidade de Três Lagoas também foi surpreendida pela tempestade de areia. Muitos moradores registraram o fenômeno. Os ventos chegaram a 68km/h. Às 14h, desta sexta, em Três Lagoas, os ventos chegaram a 68 km/h, de acordo com o meteorologista Natálio Abrahão. Já a temperatura que estava em 41°C, caiu para 24°C. O especialista também alertou para a baixa visibilidade em relação à poeira.
Marcos Trindade, morador de Três Lagoas, postou a imagem da tempestade chegando à cidade. “Estamos à margem da represa Jupiá. Uma tempestade de areia está na nossa cidade agora”, escreveu Trindade.

TEMPESTADE
A tempestade de poeira propriamente dita se trata de uma grande massa de partículas de poeira, ou areia que é deslocada por ventos turbulentos e fortes e elevadas do solo até a uma altura considerável. Algumas vezes esses fenômenos são provocados por redemoinhos de vento. São mais frequentes em regiões com grande quantidade de areia e baixa umidade.

FECHADO – Tempo escureceu em Andradina no meio da tarde
MUDANÇA – Alteração climática foi repentina e assustou as pessoas

Marcos Trindade/Arquivo Pessoal

Veja também

Moradores cobram recapeamento de rua

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA Moradores da Rua Antonio Storti, no Jardim Morumbi, em Araçatuba, procuraram …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *