MANEJO - Em nova área, capivaras ficarão mais seguras com alimentação abundante

Meio Ambiente encaminha mais 37 capivaras para o Parque do Pombo

Compartilhe esta notícia!

Na tarde desta quarta-feira (22), a equipe técnica da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agronegócio (Semea) realizou mais um manejo de capivaras da Lagoa Maior. Nesta ação, 37 capivaras adultas e filhotes serão levadas e soltas no Parque Natural Municipal do Pombo.
Objetivo do manejo é reduzir o número de capivaras na Lagoa e leva-las para um local onde terão maior liberdade e diversidade de alimentação. O biólogo da Semea, Flávio Fardin, pontua as atuais dificuldades de alimentação e riscos dos grupos de capivara.
“É visível a falta de vegetação na Lagoa, assim como em toda a região, que sofre com o tempo seco e a alimentação complementar que fazemos todos os dias não está sendo suficiente. O Parque do Pombo tem uma vasta vegetação que servirá como alimento para os animais, além dos córregos que cercam o local”, explicou.
Outro fator que colabora com este manejo é o risco que as capivaras correm ao buscar alimento pelos bairros próximos, de serem atropeladas. Agora existem em torno de 83 capivaras na Lagoa Maior, entre adultos e filhotes. O município dispõe de autorização do IBAMA específica para esta ação.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Speed Park conclui mais uma edição da escolinha de kart

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – BIRIGUI A escolinha de kart é um projeto gratuito, realizado …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *