FLUXO - Longas filas e demora excessiva são reclamações de moradores em pontos de

Moradores reclamam de longas filas e espera de mais de uma hora para vacinação em Araçatuba

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

A vacinação contra a covid-19 voltou a ser alvo de reclamação por parte da população de Araçatuba. Por causa da diminuição dos intervalos entre as doses, aumentou a demanda de vacinação e os pontos disponibilizados pelo município têm ficado lotados, causando filas e longa espera, além de outros transtornos.

A reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL está recebendo reclamações desde a última segunda-feira. Nesta terça, o jornal percorreu alguns locais de vacinação e, apesar da maior organização em relação às reclamações de segunda, ainda encontrou pessoas aguardando a vacinação debaixo de sol e com espera acima do normal.

Um dos moradores que procurou a reportagem para reclamar foi Elias Rodrigues Júnior, que mora no bairro Monte Carlo, que foi levar a enteada no posto volante instalado em um supermercado na segunda-feira e acabou desistindo antes de vaciná-la por conta da longa espera. Segundo ele, pessoas tomaram chuva no final da tarde enquanto esperavam pela imunização.

“Eu fiquei indignado com a falta de estrutura, o mercado cedeu o espaço mas lá fora, eu acho que é uma falta de respeito com a população, não tinha banheiro, lugar para sentar, poucas pessoas para vacinar (poucos funcionários da prefeitura), uma ou duas”, reclamou. “Sem falar no temporal que caiu em Araçatuba e a população tomou o maior pé d´água”, disse.

Nesta terça-feira, ao visitar dois pontos de vacinação, a reportagem constatou filas no contêiner instalado no calçadão e também em outro supermercado que recebeu as equipes da saúde para imunização.

Em conversa com a reportagem, alguns dos vacinados relataram que ficaram entre 30 e 40 minutos aguardando pela vacinação. Em ambos os locais, a fila era única e apenas um morador era vacinado de cada vez. Já na segunda-feira, os relatos eram de espera de até 1 hora e meia para a imunização.

Atualmente são dois pontos de vacinação, um no Hospital da Mulher e outro no calçadão, e estão sendo montados pontos itinerantes, sendo que hoje, a vacinação ocorre no Atacadão.

Requerimento

Em sessão ordinária remota feita pela Câmara Municipal de Araçatuba na última segunda-feira (6), os parlamentares aprovaram requerimento pedindo informações à prefeitura sobre este problema na vacinação.

De autoria do vereador Arlindo Araújo, o documento questiona o que será feito para corrigir a situação e evitar novos transtornos à população. O requerimento será enviado à prefeitura, que terá até 15 dias para responder.

“Por conta do feriado e do ponto facultativo, nós ficamos quatro dias sem aplicação de vacinas. Já era de se esperar que tivesse uma procura maior, até porque temos uma variante nova no Brasil. Será que não tinha jeito de colocar um número maior de postos de vacinação para não acontecer o que aconteceu hoje?”, questionou Araújo durante a sessão.

O período de intensificação da vacinação vai até a próxima sexta-feira, dia 10 de dezembro, e faz parte do plano do governo de São Paulo para chegar a 80% da população do estado vacinada. Até ontem, a porcentagem no estado estava em pouco mais de 77% de pessoas que já haviam tomado ao menos duas doses.

 

Veja também

Andradina inicia vacinação de crianças

DA REDAÇÃO – Andradina A primeira criança a ser vacinada em Andradina foi a pequena …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *