20.3 C
Araçatuba
terça-feira, agosto 9, 2022

Meio Ambiente orienta produtores rurais sobre combate a raiva dos herbívoros

DA REDAÇÃO BIRIGUI

A Prefeitura de Birigui, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, está disponibilizando orientação gratuita para os produtores rurais sobre as medidas de prevenção contra a raiva dos herbívoros. O trabalho é feito por veterinário, direto na propriedade.

“A doença é fatal, mas pode ser prevenida se foram adotadas algumas medidas com o rebanho”, alerta o veterinário do Departamento Municipal de Produção Agropecuária, Matheus Moreira Beli.

O veterinário da Prefeitura disse que as orientações passadas aos produtores são com base no Programa Estadual de Controle da doença. Entre as estratégias previstas está o incentivo a vacinação dos herbívoros domésticos (bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos e equinos) e o controle da população de morcegos hematófagos.

“Para o Estado, os prejuízos decorrem de gastos com diagnósticos, vacinas e pessoal que atua na prevenção da doença. Para a comunidade internacional a doença é um fator de depreciação do nosso produto. Sendo uma zoonose, representa sérios riscos à saúde pública”, alertou Beli.

 

A DOENÇA

O veterinário explicou que a raiva dos herbívoros, é uma doença infecciosa causada por um vírus da família Rabdovírus. O índice maior de infecção é dos bovinos, mas pode atingir outras categorias de mamíferos. A doença é caracterizada por lesões do sistema nervoso central e pode provocar convulsões, tetania, paralisia respiratória, hidrofobia, levando o animal a morte.

A principal fonte transmissora da raiva dos herbívoros é o morcego hematófago da espécie Desmodus rotundus, que costuma atacar o rebanho, para sugar o sangue, sua principal fonte de alimentação.

 

SERVIÇO

Quem quiser mais informações deve procurar a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, que fica na rua Roberto Clark, 443, Centro de Birigui, das 7h30 às 11h30.

 

Ultimas Noticias