15.1 C
Araçatuba
sábado, agosto 13, 2022

Imobiliárias entram na guerra para combater o mosquito da dengue

As casas fechadas sempre são um problema no trabalho para eliminação de focos do Aedes aegypti, mosquito transmissor da febre amarela, dengue, chikungunya e zika virus. A partir de segunda-feira, equipes de várias imobiliárias vão percorrer os imóveis que estão fechados para eliminar os possíveis criadouros. Esta é uma paceria entre o Comitê de Combate à Dengue e o Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci), delegacia de Araçatuba. O trabalho será desenvolvido ao longo da semana.
O delegado do Creci em Araçatuba, Isaías Bittencourt, disse que aproximadamente 15 imobiliárias devem participar da iniciativa. Isso representa que cerca de 150 imóveis serão vistoriados. As equipes das imobiliárias terão o apoio de pessoal da saúde e do próprio comitê. Porém, o trabalho é das imobiliárias. As equipes de apoio só vão agir em casos de necessidade.
Para o presidente do Comitê da Dengue, João Carlos Fávaro Saes, trata-se de uma parceria que pode ter bons resultados. João Saes disse que o município está em estado de alerta para dengue. Por isso, algumas ações foram traçadas e a primeira delas foi a parceria com as imobiliárias. “Temos uma brigada composta por representantes de todas as secretarias que agem para eliminar os possíveis criadouros”, disse João Saes, explicando que a ideia da brigada pode ser levada para o setor privado, como empresas de médio e grande porte ou até mesmo para condomínios empresariais. Segundo ele o objetivo é atuar de todas as formas para reduzir os criadouros do mosquito.
O presidente do comitê destacou a aceitação das imobiliárias em participarem desta primeira ação envolvendo os setores e público e privado. O sucesso desta iniciativa pode motivar outras parcerias.

AUMENTO DOS CASOS
De acordo com os números divulgados pela Vigilância Epidemiológica nesta sexta-feira, Araçatuba já tem 240 casos confirmados neste ano. Na semana anterior eram 196 casos.

Comitê Institucional de Combate ao Aedes aegypti tem novos diretores

Esta semana, a Prefeitura de Araçatuba sediou a eleição dos novos membros da presidência do Comitê Institucional de Combate ao Aedes aegypti.
Durante a reunião, que aconteceu com todos os membros desse comitê, foi apresentado pelo novo presidente, João Carlos Fávaro Saes, e vice-presidente, Alexandre Cândido Alves, um mapeamento das regiões de Araçatuba com maiores e menores incidências de casos de dengue e as ações que estão sendo desenvolvidas nesses locais.
Foi tratada também a necessidade de valorização dos brigadistas e ampliação da participação de mais setores da prefeitura, como em escolas, por exemplo, além da criação do Dia dos Brigadistas.
A intenção da nova presidência do Comitê é expandir as ações, criando novos núcleos com a participação da sociedade civil, de forma que as pessoas atuem em seus bairros para coibir qualquer criadouro do mosquito Aedes aegypti.

DA REDAÇÃO
Araçatuba

Ultimas Noticias