BAIXA - Último boletim divulgado apontava apenas um paciente internado na ala de covid-19

Hospital Unimed deixa de divulgar boletim sobre internações por covid-19

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

A assessoria de imprensa do Hospital Unimed informou nesta sexta-feira (12) que deixará de divulgar os boletins com informações sobre internações por covid-19 no local. O motivo foi a diminuição considerável no número de atendimento do tipo na unidade hospitalar.
Desde o começo de agosto, o hospital havia parado de divulgar os boletins de internações por covid de forma diária, por causa da diminuição dos casos. Na última divulgação semanal, feita no dia 5 de novembro, apenas um paciente estava ocupando leito de UTI por causa da doença.
Segundo a nota da assessoria, caso as internações voltem a acontecer com mais frequência, o hospital voltará a emitir boletins sobre a situação das internações relacionadas à pandemia.
Antes, o Hospital Unimed já tinha tomado a iniciativa de diminuir os leitos de internação de enfermaria, por causa da diminuição no número de pessoas internadas pela covid-19.
A unidade particular, que até o final de agosto possuía 24 leitos de isolamento, passou a ter apenas 8, número com o qual está trabalhando atualmente. Os espaços liberados foram utilizados no atendimento de outras patologias.
Nesta semana, na última quarta-feira (10), a Santa Casa de Araçatuba já havia anunciado a desmobilização de 18 leitos que estavam sendo utilizados para o tratamento de pacientes internados com covid-19.
Segundo informado pela assessoria de imprensa da Santa Casa, o local diminuiu de 44 para 26 o número de leitos, sendo que 20 estão no setor de UTI e outros 6 destinados à enfermaria.
No pico da pandemia, a Santa Casa chegou a ter 110 leitos disponíveis para atendimento. Em outubro foi feita a diminuição para 44 leitos e agora para 26.
A Santa Casa de Araçatuba divulgou boletim com apenas três pessoas internadas nesta sexta-feira, sendo que apenas uma tinha o diagnóstico positivo para a doença. São duas pessoas na UTI, uma delas com suspeita, e um caso suspeito na enfermaria. Outros dois casos suspeitos estão na UTI Neonatal e Pediátrica.

Veja também

Em quase 9 décadas, empresa funerária passa de geração para geração na cidade

Diego Fernandes – ARAÇATUBA Considerado um dos empreendimentos comerciais mais antigos de Araçatuba, a Cardassi, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *