LOTADA - UTI Covid da Santa Casa de Birigui está lotada

Hospitais de Birigui, Andradina e Três Lagoas chegam ao limite de ocupação e exportam pacientes

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Os hospitais de Birigui e Andradina estão no limite da ocupação de leitos de UTI para covid-19. Em Birigui, a Santa Casa do município está tendo de adaptar leitos de outros setores do hospital para receber pacientes com sintomas mais graves da covid-19, além de fazer transferências de pacientes para outros municípios.

Já em Andradina, o diretor presidente da OSS que administra a Santa Casa informou que na noite do último domingo, o hospital transferiu três pacientes para outros hospitais, enquanto outros três também aguardavam transferência.

Birigui com 100% de ocupação

Em Birigui, a cidade chega a 100% do número de internados na UTI pública, com 10 pacientes internados nos 10 leitos disponíveis, de acordo com dados divulgados pela Santa Casa no final da tarde de ontem.

No domingo, o hospital chegou a ter 13 pacientes internados no último domingo. De acordo com a direção do hospital, as três pessoas excedentes ao limite que precisaram de tratamento mais intensivo tiveram que ficar em leitos adaptados na UTI comum do hospital, aguardando transferência para outras unidades hospitalares da região.

Os hospitais de Araçatuba e de Penápolis são os mais próximos e os que mais têm recebido pacientes biriguienses nos últimos dias, devido ao novo aumento no número de internações.

A transferência é feita através do Cross (Central de Regulação de Ofertas e Serviços), sistema de regulação de vagas do governo estadual, que faz o gerenciamento e encaminhamento de pacientes.

Andradina também exporta pacientes

A informação divulgada pelo diretor presidente da OSS Santa Casa de Andradina no último domingo assustou moradores de Andradina. Através de sua conta no facebook, Fábio Antonio Obici, afirmou que a ocupação de leitos havia chegado ao limite e, que no próprio domingo, três pacientes haviam sido transferidos para outros hospitais, além de outros três que também aguardavam transferência.

A informação provocou um pronunciamento do coordenador da UTI Covid, Dr. Rafael Marão, que anunciou, nesta segunda-feira, que a UTI da Santa Casa de Andradina está com 90% de ocupação, tendo 9 pacientes internados em 10 leitos, sendo que 4 estão utilizando respiradores.

O médico afirmou, ainda, que nas últimas semanas, a unidade hospitalar tem registrado um grande índice de internações de pacientes jovens, e ressaltou que este é o pior momento vivido pelo hospital em relação à pandemia desde que ela começou.

“É o pior momento em relação ao número de casos graves, ao número de internações, e principalmente ao perfil dos pacientes. Atualmente estamos tendo casos de pacientes mais jovens, abaixo dos 40 anos, necessitando de intubação e assistência em UTI, o que não tínhamos observado nos meses anteriores”, afirmou o Dr. Rafael Marão, coordenador da UTI Covid.

O Dr. Marão também afirmou que, por estar com 9 internados também na enfermaria, muitos destes pacientes estão em observação e podem, a qualquer momento, necessitar de transferência para a UTI.

“Nós ainda dispomos de um leito para atender pacientes de enfermaria que precisem ser transferidos, um fato que é bastante provável, tendo em vista a gravidade dos pacientes que temos”, alertou, lembrando que está havendo o registro de pessoas da mesma família internadas. “Já chegamos a ter 6 pacientes da mesma família em tratamento”, concluiu o médico.

Região de Araçatuba

O departamento regional de saúde de Araçatuba, DRS II, registra no momento uma ocupação de 47,7% dos leitos de UTI nos hospitais de 40 cidades, que englobam as regiões de Araçatuba e Andradina. Já a ocupação de leitos de enfermaria está em 31%.

A media móvel de casos na região apresenta 208 novos infectados por dia somando todos os municípios, um aumento de 11% em relação há duas semanas, quando a media estava em 185.

Em Araçatuba, a UTI da Santa Casa chegou a 72% de ocupação nesta segunda-feira, com 18 pacientes internados. O local tem capacidade para receber até 25 pacientes.

Já na rede particular, são 11 pacientes em UTI na cidade, fazendo com que o hospital tenha pronto um plano de contingência com a abertura de mais 9 leitos de UTI Covid já pronto para ser colocado em prática.

Três Lagoas sem vagas

O município de Três Lagoas divulgou ontem que não tem mais vagas de UTI para pacientes com casos graves de covid-19. Com 12 leitos de terapia intensiva exclusivos para covid-19 e recebendo pacientes de cidades da região, os hospitais chegaram ao limite de ocupação.

No Hospital Nossa Senhora Auxiliadora são 10 pacientes internados em 10 leitos disponíveis, enquanto o Hospital Cassems, da rede particular, que possui 2 leitos de UTI, está com os dois ocupados.

ÚNICA – Apenas uma vaga está disponível na UTI de hospital público de Andradina


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Essenciais, ambulantes e lojas de rede deixam calçadão movimentado no primeiro dia da fase vermelha

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA O primeiro dia de comércio fechado em Araçatuba ainda …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *