Home Cidades Araçatuba Exercício físico pode ajudar no combate aos sintomas do coronavírus

Exercício físico pode ajudar no combate aos sintomas do coronavírus

6 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Com boa parte da população paulista respeitando a quarentena, a prática de exercícios físicos, mesmo dentro de casa, passa a ser um importante aliado na luta contra a covid-19. Segundo a educadora física de Araçatuba, Gabriela Massaro, é muito importante mexer o corpo neste período de confinamento. Em conversa com a reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, Gabriela afirmou, porém, que é importante praticar os exercícios em doses moderadas para não baixar a resistência.

Segundo a profissional de educação física, o exercício estimula os agentes de defesa do organismo, responsáveis por combater vírus e bactérias. “O exercício físico estimula a produção de glóbulos brancos, então enquanto você está em quarentena, com certeza, é muito indicado você não ficar parado”, explicou.

Ela, porém, afirma que as atividades têm que ser feitas em doses moderadas. ”Não é bom fazer demais, por exemplo, esses exercícios que a gente faz com muita intensidade na academia, aqui durante esse período é melhor fazer não com tanta intensidade para não baixar a resistência, mas é importante fazer na dose certa pra que ele possa produzir no teu corpo uma boa reação se acaso você pegar um desses vírus, pra que você tenha uma saúde bem melhor para sua resistência não baixar e você não adoecer”, disse.

Sacos de arroz podem ser utilizados como “peso”

De acordo com a educadora física Gabriela Massaro, que coordena uma academia especializada em Cross-Fit em Araçatuba, é possível se exercitar dentro de casa utilizando apenas o peso corporal ou algum acessório, sem a necessidade de nenhum aparelho. “Dá para usar por exemplo a cadeira, um colchonete ou uma toalha, se você tiver condições uma cordinha de pular. Se você não tem essas coisas dentro de casa é possível usar também saco de arroz, garrafa de água, um litro de amaciante ou sabão líquido, tudo isso é possível usar para fazer exercício dentro de casa sem gastar tanto com acessórios específicos”, explicou.

Gabriela também afirma que há muitas formas de exercitar dentro de casa. Segundo ela, há vários exercícios que são progressivos e que podem ser feitos no conforto do lar durante a quarentena. “Flexões de braço, abdominais, exercícios de braço, de agachamento, de subida de degrau na cadeira ou na escada, se você tiver. Exercícios de isometria, que são exercícios de contração sem movimento, estático; exercícios de mobilidade, alongamento, tudo isso para se manter na ativa com a sua imunidade um pouco mais reforçada”, completou.

Atletas podem manter condicionamento

Os que já estão acostumados com exercícios físicos e estão com saudades de frequentar academias, fechadas durante este período de quarentena, possuem várias recomendações importantes, como lembra Gabriela. “Para quem é atleta é indicado conseguir alguns materiais básicos, eu tenho aqui, por exemplo, halter, querobel, colchonetes, cordas. Para quem tem um espaço melhor dentro de casa pode fazer com barra, puxada na porta, aquelas barras de encaixe na porta, onde você pode suspender o corpo. Também dá para se usar elásticos, tudo isso para ajudar a manter o exercício”, disse ela, lembrando que é possível fazer muitos exercícios específicos para vários esportes com estes materiais.


Compartilhe esta notícia!