21.9 C
Araçatuba
sábado, maio 21, 2022

Diretor da Academia Suporte espera crescimento nas matrículas dos cursos de formação e reciclagem de vigilantes

Diego Fernandes – Araçatuba

Não são só os centros universitários que vivem a expectativa da volta das aulas presenciais para os alunos de cursos superiores. Uma academia de formação de vigilantes de Araçatuba aguarda o retorno das aulas e tem boas esperanças do crescimento de matrículas para 2022.
O motivo são os ônibus que chegam a Araçatuba de diversas cidades da região. Com a escassez de locais que oferecem este tipo de formação, alunos da região interessados em realizar o curso de formação de vigilantes, acabam vindo para Araçatuba nos ônibus que trazem estudantes para as faculdades, aumentando o fluxo também na formação específica de segurança.
Segundo o Major PM Dorival Treco, que é diretor da Academia Suporte, em Araçatuba, houve uma queda no número de matrículas em 2020 e 2021 devido às restrições da pandemia. Neste período, as faculdades mantiveram apenas aulas online e os ônibus com alunos de outras cidades deixaram de circular, tornando mais difícil a vida dos potenciais alunos de fora de Araçatuba.
Com o retorno das aulas presenciais, ele mantém boa expectativa para o aumento no número de alunos na Academia.
“No ano passado e no outro ano, devido à pandemia, procuraram pouco, até mesmo à noite. No curso da noite, os vigilantes dependem dos ônibus que vem pra faculdade, como não teve deu uma caída”, afirmou.
De acordo com o Major, o curso de formação de vigilantes sempre teve boa procura nos últimos anos, por ser uma área com grandes oportunidades de trabalho.
“O pessoal vai fazer o curso, até porque é um curso bom e uma profissão que não para, que sempre tem gente empregando”, disse.
Além da formação de vigilantes, outros cursos muito procurados são alguns mais específicos, como o de transporte de valores, de acordo com o Major, que cita os mais procurados.
“Dentre os cursos de extensão temos o de transporte de valores, que é um curso bem procurado, até porque o vigilante formado no transporte de valores ganha um pouquinho mais. Segurança pessoal, que é chamado de VIP, como segurança de empresários, além de escolta armada, que são os principais”, disse. “Hoje está se exigindo o curso de menos letais, onde o vigilante trabalha com uma arma de choque ou gases, para não ter que ser letal em uma operação”, seguiu.

Histórico
A Academia Suporte iniciou as aulas em Araçatuba em março de 2004 e está próxima de completar 18 anos de atividades. Desde 2008, o Major PM Dorival Treco faz parte da equipe da escola e se tornou diretor após alguns anos.
Desde então, a unidade tem formado cerca de 1.800 alunos todos os anos entre os cursos de formação e reciclagem.
“A escola está aqui desde 2004 e atende toda a região. Nós formamos uma média de 800 vigilantes por ano, isso na formação. Agora, reciclagem nós temos mais de 1.000 por ano, porque a cada dois anos tem uma reciclagem, as empresas de segurança, a maioria, manda pra nós”, explicou o Major.
Além do curso de formação de vigilantes, com 200 horas de aulas, nos períodos diurno e noturno, a Academia Suporte ainda conta com os cursos de Transporte de Valores, Segurança Pessoal, Escolta Armada, Menos Letais e Monitoramento, a maior parte deles entre 15h e 50h de duração, cada.

Serviço
Atualmente, a Academia Suporte está com matrículas abertas para a nova turma que começa no dia 7 de fevereiro. As inscrições podem ser feitas pessoalmente na avenida João Arruda Brasil, 221. Outras informações podem ser obtidas pelo WhatsApp (18) 99726-1670.
É necessário ter acima de 21 anos para fazer o curso e ter pelo menos o ensino fundamental completo.

PRÁTICAS – Teoria e prática são aliadas nos cursos
DIURNO – Turma de reciclagem assiste aula no período de diurno na Academia
DIRETOR – Major PM Dorival Treco está na Academia desde 2008, quatro anos após sua fundação

Ultimas Noticias