Home Cidades Araçatuba Campeão de Apartação, mexicano se emociona ao competir em Araçatuba pela primeira vez

Campeão de Apartação, mexicano se emociona ao competir em Araçatuba pela primeira vez

8 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Um dos responsáveis pelo fato de o Campeonato Nacional da ABQM estar acontecendo em Araçatuba foi campeão da prova nacional de apartação. Na categoria Cavalo Castrado Aberto Light, o pecuarista mexicano naturalizado brasileiro José Macário Perez Pria, 78, foi o vencedor da categoria disputada no último dia 23, na pista 3 do Recinto de Exposições Clibas de Almeida Prado, coroando os dias de sonho que está vivendo por conta da realização do maior evento da história da modalidade em Araçatuba.
José Macário, que é um dos fundadores e ex-presidente da ABQM, esteve presente nas primeiras reuniões na Associação para tentativa de trazer a competição para Araçatuba. Desde que deixou a cidade de Avaré (SP) por conta da proibição das provas do Laço, a Associação buscava uma sede própria, e Araçatuba ofereceu todas as condições, principalmente após a concessão do espaço do Recinto. Na época da assinatura do contrato com a ABQM, Macário disse que estava proporcionando à cidade um evento que agrega no desenvolvimento econômico. “Araçatuba tem um parque que comporta a ABQM pelos próximos 20 anos. Eu tinha essa visão já há 5, 6 anos, mas estava difícil na época. Não é qualquer parque que comporta, e aqui temos a área propícia para ela crescer. Faz 50 anos que moro aqui em Araçatuba, estou proporcionando esse evento para minha cidade”, disse à época ao jornal O LIBERAL REGIONAL.

c1 Macário e Bolsonaro.jpg
Apaixonado por cavalos, Macário sempre conta aos amigos que monta desde os 3 anos de idade, quando morava com o pai no Estado Mexicano de Chihuahua. Ele sempre ri ao se lembrar que o primeiro dos mais de seus 2 mil tombos em montarias foi já com 3 anos e meio. “Senhor Macário”, como é chamado com respeito por quase todos que têm contato com ele, foi um dos fundadores da ABQM, a Associação Brasileira do Cavalo Quarto de Milha, e desde que chegou ao Brasil, quando tinha 21 anos, procurava por aqui uma raça de cavalo que reunisse as principais qualidades para uma boa montaria e também para a disputa de competições.
A paixão pelas competições envolvendo os cavalos começou, segundo ele, em 1981. A sua modalidade preferida e na qual foi campeão nacional, a apartação, ainda não era disputada por aqui e Macário teve de importar um garanhão (cavalo destinado à reprodução) dos Estados Unidos. Ao ser perguntado pela reportagem do Jornal O LIBERAL REGIONAL quantos cavalos possui hoje, a resposta foi surpreendente. “Olha, você vai rir, mas eu não consigo mentir, eu possuo dois cavalos, com os quais eu compito. O resto da tropa que tem em casa não é minha, são cavalos de outras pessoas, porque o meu filho é treinador profissional. Então lá tem cavalo de Goiás, de Minas, do Paraná, do Mato Grosso do Sul”, contou ele, dizendo que estes cavalos passam um tempo em sua propriedade, mas logo são devolvidos aos seus donos depois de concluído o treinamento dado por seu filho.

ABQM 22-07-2019 (47).JPG
Com a voz embargada, Macário Perez falou sobre o tamanho da emoção sentida ao competir pela primeira vez na categoria de apartação em um Campeonato Oficial da Associação que fundou, em Araçatuba. “Eu vou falar uma coisa pra você, é meio indescritível, é muito, muito, muito grande (a emoção). Competir na minha cidade, nas pistas que eu ajudei a construir, no campeonato da associação que eu fui um dos fundadores e presidente, estou muito feliz”, afirmou emocionado.
Apartação
A modalidade preferida de Macário Perez consiste na separação de um único bovino de seu rebanho e manutenção deste afastamento por um período de tempo.
Ao dar início a este tipo de prova, o locutor presente à pista indica o número do animal a ser apartado do rebanho de gado e neste momento o cavaleiro e seu cavalo precisam realizar a separação. Uma vez separado, ao tentar retornar para seu grupo, o bovino deve ser contido pelo cavalo, que passa a ter as rédeas soltas por parte de seu cavaleiro, e conduz sozinho a manutenção do boi separado.
Após a prova, os jurados concedem uma nota para o trabalho realizado e a partir dela são escolhidos os vencedores.
A apartação é uma das 18 modalidades presentes no Campeonato Nacional da ABQM.

c1 José Macário Perez Pria1.jpg

 

 


Compartilhe esta notícia!