Home Cidades Araçatuba Auxiliar admite que usou dinheiro da ajuda emergencial para comprar moto furtada

Auxiliar admite que usou dinheiro da ajuda emergencial para comprar moto furtada

3 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – BIRIGUI

Policiais militares de Birigui flagraram um auxiliar geral de 21 anos desmontando uma moto YBR 125, vermelha, ano 2003, que havia sido furtada no dia 20 de outubro em Araçatuba. Ele disse aos policiais que havia comprado a moto de seu irmão, pelo valor de R$ 600, com dinheiro que recebeu do auxílio emergencial.

De acordo com o boletim de ocorrência, policiais militares receberam denúncia anônima de que no local dos fatos, na rua Vanderlei Martins Vinhoti, havia uma pessoa desmontando uma motocicleta.

No local, embora o portão estivesse fechado, conseguiram ver a moto parcialmente desmontada. Foi feiuto contato com a moradora, que autorizou a entrada dos policiais no imóvel, onde encontraram a motocicleta de placas DHI-7336 parcialmente desmontada. A moto estava sem a parte superior do motor e roda dianteira já havia sido retirada.

Ao fazer a consulta, os PMs constataram que a moto era produto de furto. O auxiliar geral disse que comprou a moto de seu irmão, e informou que havia consultado um aplicativo onde não constava que a moto era produto de furto.

No entanto, o sistema constou que um homem de 22 anos, proprietário da moto, morador no bairro Porto Real, em Araçatuba, registrou o boletim de ocorrência de furto no dia 20 de outubro.

Ele alegou que o motor travou por isso havia desmontado, e que tinha vendido o freio dianteiro para pegar o dinheiro e consertar um telefone celular. O auxiliar geral poderá ser indiciado pelo crime de receptação.  A Polícia Civil vai investigar o caso. (Com informações Regional Press)

 


Compartilhe esta notícia!