897 - Luzimar Rodrigues (PSB) afirma que ficou surpreso com seu número de votos em Andradina

Vereador mais votado quer ser presidente da Câmara e ajudar a trazer uma indústria para o município

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ANDRADINA

Em sua segunda tentativa de fazer parte da Câmara Municipal de Andradina, o Professor Luzimar Rodrigues da Silva (PSB) conseguiu um acréscimo de 220% no seu número de votos em relação às eleições realizadas em 2016. Naquele ano, Luzimar recebeu 406 votos e não conseguiu vaga no legislativo, porém, desta vez, ao atingir 897 votos, foi o candidato mais votado do município.

Em entrevista à SRCTV, Luzimar afirmou que pensa, inclusive, em disputar a presidência da Câmara no primeiro ano de legislatura e exaltou a renovação, já que 11 nomes eleitos não fazem parte da atual legislatura.

Luzimar iniciou a entrevista lembrando que fez um trabalho de 4 anos fazendo visitas e conversando com potenciais eleitores após a derrota nas urnas há 4 anos. Ele crê que isso foi fundamental para explicar a votação que recebeu no último dia 15 de novembro.

“2016 eu também participei, não fui eleito devido à legenda e aí comecei a trabalhar esses 4 anos, correndo atrás, recebendo as pessoas, visitando as casas, tenho uma equipe grande que me apoia, me dá força, e graças a esse pessoal aí a gente conseguiu chegar no 897 votos”, afirmou.

Com todo o trabalho de visitas, Luzimar tinha como meta superar a votação recebida em 2016, mas ter sido o vereador eleito mais votado o deixou surpreso.

“Eu não esperava, eu tinha em mente que eu seria bem votado, trabalhava por uns 500 votos, mas 897 me pegou de surpresa, fiquei muito satisfeito mesmo. Fiquei pensando em todos que votaram em mim em fila. Gostei demais, a palavra é gratidão”, afirmou.

Renovação

Professor Luzimar comentou também sobre os 11 novos vereadores que estarão na Câmara Municipal de Andradina a partir de 2021. Ele afirmou, inclusive, ter ficado emocionado com o recado da população através das urnas e com o pedido de renovação política demonstrado no voto.

“Eu estou com muita esperança nessa Câmara. Nunca tinha visto algo tão democrático com a eleição de 11 pessoas diferentes, novas, pessoas que estão com vontade de trabalhar, então eu penso que essa Câmara vai fazer história em Andradina”, projetou Luzimar.

Na continuação de sua fala sobre o assunto, Luzimar disse acreditar que a população quer romper com a velha política.

“Eu acho que o pessoal, não só em Andradina, mas em outras cidades aconteceu quase a mesma coisa, muita renovação, o pessoal quer o novo, quer parar com essa política velha, com oposição e base, o povo quer isso”, opinou.

Ele evitou dizer que a candidata Eloá Teixeira (PSB), eleita com o menor número de votos (273), entrou na Câmara graças à sua votação e valorizou os votos obtidos por seu partido e as campanhas de todos os candidatos ao legislativo andradinense.

“A Eloá veio junto comigo, eu não digo que eu puxei, porque são 23 pessoas, cada um teve o seu voto, essa junção foi quem determinou a minha eleição e da Eloá. O PSB praticamente, nos últimos anos, estava meio esquecido. Consegui de última hora a presidência do partido”, explicou ao exaltar o fato de o PSB ter feito duas cadeiras na próxima legislatura.

Presidência

Luzimar pretende ser presidente da Câmara e deixou isso bem claro na entrevista à SRCTV. Com uma votação expressiva nas urnas, ele espera não haver “articulação política” e que a votação para o cargo aconteça de forma “limpa”.

Segundo ele, já houve uma reunião entre os 15 vereadores eleitos e o prefeito eleito Mário Celso (PSDB), porém nesta reunião pouco se falou sobre o comando da Câmara, já que, segundo ele, o encontro foi informal.

“Eu almejo sim, não posso mentir. Cabe aos meus amigos, colegas, os 11 novos mais os 4, no caso eu também, fazer uma votação natural, sem articulação, eu sei que existe nos bastidores, mas acho que a votação tem que ser normal. Vai ter uma reunião com os 15, vai ter uma reunião ainda este ano, antes dessa votação, para a gente falar quem quer ser, quem não quer, para na votação a gente poder escolher aquela pessoa que a gente acha que vale a pena”, afirmou.

Com quatro anos de mandato pela frente a partir do ano que vem, Luzimar diz que, apesar de querer, não terá pressa caso não consiga comandar a casa logo de cara.

“Tem mais gente que quer ser e eu vou estar com meu nome lá, isso aí cabe ao pessoal fazer essa votação. São 4 anos, se não for presidente agora não tem problema nenhum, ainda terá o segundo, o terceiro”, concluiu sobre o assunto.

Nova indústria

Presidente do projeto Camor, a Casa de Apoio aos Moradores de Rua de Andradina, Luzimar afirma que, além de cuidar de projetos sociais, quer ajudar a trazer uma indústria para Andradina, e para isso espera contar com apoio do novo prefeito e da bancada de seu partido na Câmara Federal.

“A gente tem vontade de trazer uma indústria para a cidade, esse era o meu sonho, esse projeto eu não consigo fazer sozinho. Mas temos deputados, e um prefeito que tenho certeza que vai dar essa força pra gente”, revelou sem citar qual indústria seria. (Com informações da SRCTV)

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

A covid 19 está fazendo mais vítimas entre os jovens em Andradina, diz secretaria

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – ANDRADINA Na última semana, o Boletim Oficial do Covid 19, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *