Sesi Andradina distribui refeições para entidades do município

DIEGO FERNANDES – ANDRADINA

Em tempos de pandemia do novo coronavírus, o Sesi de Andradina está realizando a distribuição de marmitex para famílias carentes. Ao longo do mês de maio foram distribuídas cerca de 780 refeições por dia para 5 entidades da cidade e para junho há a previsão de entrega de 400 refeições diárias para estes locais. O programa, que está sendo realizado no Sesi em todo o estado de São Paulo, entregou no mês passado 230 mil refeições diariamente.

As entidades beneficiadas são a APAE, APAM, Camor, Igreja Nossa Senhora das Graças e Casa da Sopa. De acordo com a diretora da escola, Cláudia Cristina Gonzales, a intenção da instituição de ensino é ajudar as famílias mais prejudicadas pela crise na saúde pública e na economia.

Para Cláudia, é importante a contribuição do Sesi com causas sociais. “Então esse projeto foi pensado para atender esta população que está passando por um processo dessa pandemia. A preocupação do Sesi é contribuir com a população mais carente, que está passando por muita necessidade, então a nossa parte neste momento difícil é uma ajuda que estamos dando para as famílias que necessitam”, afirmou.

Em Andradina, as refeições são feitas por funcionárias da cozinha da própria escola, como disse a diretora Cláudia. “Como não está tendo aula, nós temos a cozinheira, três auxiliares de cozinha e a nutricionista. Então fazemos a compra dos alimentos e as refeições são todas feitas aqui. E pra fechar as marmitas, organizar, temos utilizado o apoio das inspetoras de alunos, dos estagiários, pessoal da secretaria, estamos sempre auxiliando para entregar a melhor refeição, feita com muito carinho para essas famílias”, disse.

A diretoria ainda afirmou que para este mês de junho, com a chegada do frio, serão doados mais de 100 mil cobertores pela escola em todo o estado. “A FIESP conseguiu um apoio entre todas as indústrias e vão doar 100 mil cobertores. E no caso de Andradina, essas 400 famílias que vão receber essa refeição diariamente em junho, também vão receber um cobertor cada uma”, informou.

Volta às aulas presenciais só no segundo semestre

A diretora do Sesi Andradina, Cláudia Gonzales, afirmou que a escola já tem uma programação pronta para retomada das aulas presenciais dos alunos em julho, mas ela acredita que a volta deverá ocorrer mesmo em agosto. “A volta nós dependemos do governo de São Paulo. Temos um calendário pronto para a possibilidade de voltarmos em julho, mas acreditamos que a volta deva ser realmente em agosto”, disse.

Cláudia ainda explicou como os alunos do Sesi foram atendidos nos dois meses de quarentena até aqui. “No mês de abril ficamos em férias para organizar todo o processo de volta. Como não voltamos presencialmente nós estamos agora com aulas não presenciais, criamos uma plataforma onde os professores colocaram atividades e os alunos podem interagir com eles. Temos aqui todos os dias as aulas ao vivo dos professores”, explicou. (Gustavo Trevisan)

Sesi 1

Veja também

Araçatuba bate recorde de casos e tem mais uma morte; Santa Casa reativa 19 leitos de enfermaria

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA E REGIÃO Araçatuba bateu recorde de casos de covid-19 em um …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *