Home Cidades Andradina Paulo Boaventura valoriza parceria com vice e quer alavancar turismo e participação dos jovens na agricultura

Paulo Boaventura valoriza parceria com vice e quer alavancar turismo e participação dos jovens na agricultura

8 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES -´CASTILHO

O prefeito eleito de Castilho, Paulo Boaventura (Republicanos), listou saúde, educação, agricultura e turismo como prioridades de seu governo a partir de 1º de janeiro de 2021. Em entrevista ao lado de seu vice, Marcos Moura, o Marcos Visual (Podemos), concedida para a SRCTV, o novo chefe do executivo afirmou acreditar que as bancadas do Republicanos e do Podemos na Câmara poderão auxiliar na busca de recursos para o investimento na cidade.

Em sua primeira fala, Paulo Boaventura atribuiu à junção de forças de sua coligação “Juntos por Castilho” o resultado recebido de 7.435 votos, mais de 60% dos votos válidos no município.

“Essa vitória foi construída com apoio da nossa população que almejava e que queria que existisse uma nova maneira de fazer política na nossa cidade. A população gostou muito dessa ideia, dessa junção de forças políticas, porque representa tudo aquilo, os anseios da nossa comunidade por uma mudança dentro da política”, disse.

O seu vice, Marcos Visual, disse que durante a campanha já era possível perceber que a votação seria grande, devido ao apoio recebido de munícipes.

“A gente visitando as casas na nossa campanha, tanto na cidade quanto nos assentamentos, em beira de rio, a gente sentia esse carinho e essa confiança que as pessoas estavam depositando. Sempre falava que a coisa estava boa e de surpreender. A gente já sentia que esse calor da população ia ser mostrado nas urnas”, disse o vice.

Prioridades

Ao citar as prioridades de seu mandato, a primeira foi a geração de empregos. Boaventura afirmou que quer aumentar o número de vagas de trabalho no município logo no começo de seu trabalho.

“A geração de emprego é uma meta muito importante que o Paulo e o Marcos vão trabalhar já nos primeiros dias para que isso aconteça”, disse sem dar mais detalhes.

O segundo ponto citado foi a saúde. Boaventura admite que a saúde está boa situação em Castilho, mas acredita que pode melhorar ainda mais.

“Outra coisa que nós vamos trabalhar bastante é pela nossa saúde. Ela é boa, mas nós temos condições de dar um tratamento de excelência para a nossa gente, uma farmácia abastecida de remédios para as pessoas que mais precisam. O nosso município é muito grande, a zona rural tem sido deixada de lado nessa questão de saúde”, citou.

Paulo Boaventura também quer preparar os jovens que moram na zona rural de Castilho para manter o trabalho forte na agricultura, em um projeto que ele chamou de educação no campo.

“Nós vamos trabalhar bastante a educação do campo, que é para preparar os jovens agricultores para estarem inseridos no processo produtivo, essa é a nossa meta”, disse.

O turismo foi outro setor citado pelo novo prefeito, que crê que Castilho tem potencial nesta área.

“O turismo, no início do nosso mandato, a gente já vai estar trabalhando as possibilidades para alavancar de vez, porque nós temos potencialidades e até hoje elas não foram exploradas”, concluiu.

Recursos

Boaventura aposta no bom relacionamento com políticos dos partidos Republicanos e Podemos na Assembléia Legislativa, em São Paulo, e no Congresso Nacional, em Brasília, para conseguir mais recursos além do orçamento municipal.

“Pelo contato que temos no governo do estado de São Paulo, com deputados estaduais, com deputado federal das nossas bancadas. E o vice-presidente do Congresso Nacional, o Marcos Pereira, é do meu partido (Republicanos), então tenho certeza que as portas vão estar abertas para a gente conseguir recursos para investir na agricultura, no turismo, na saúde, em todos os seguimentos da sociedade e na infraestrutura”, projetou.

Atualmente, o Republicanos possui 32 deputados federais em exercícios e outros 6 deputados estaduais. Já o Podemos têm 10 deputados federais e 4 estaduais.

Relação e promessa

Para o novo prefeito, a relação com a Câmara Municipal tem de ser a melhor possível para que Castilho cresça nos próximos quatro anos.

“Não vai ter problema nenhum com a Câmara, eu e o Marcos estaremos sempre dialogando para que possamos dar essa cara nova para a nossa gestão pública de Castilho”, concluiu Paulo Boaventura.

O vice, Marcos Visual, passou uma mensagem de confiança para a população ao final da entrevista. “Podem acreditar que nosso projeto é fazer a cidade crescer com qualidade de vida para todas as pessoas”, prometeu (Com informações da SRCTV).

Foto: Paulo Boaventura e Marcos Visual

 


Compartilhe esta notícia!