23.7 C
Araçatuba
domingo, agosto 7, 2022

Acidente entre carro e caminhão mata uma pessoa em Araçatuba

FOTO: VITOR MORETTI

Um acidente no início da tarde dessa sexta-feira (20) marcou a primeira morte  em rodovia na região de Araçatuba durante a operação ‘Natal’, da Polícia Rodoviária Estadual. Uma mulher, de 30 anos, não resistiu aos ferimentos ao bater o carro que conduzia de frente contra uma carreta carregada com 57 toneladas de adubo. A batida ocorrência na altura do quilômetro 51, da rodovia Elyéser Montenegro Magalhães (SP-463), em Araçatuba.

Segundo informações apuradas pela reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, a vítima Larissa Pagani Lopes, conduzia um veículo Chevrolet/Sonic LT, no sentido de Santo Antônio do Aracanguá a Araçatuba quando, por motivos ainda a serem esclarecidos, perdeu o controle da direção, invadiu a pista contrária e colidiu frontalmente contra o caminhão que seguia no outro sentido.

O motorista, que não sofreu ferimentos, contou em depoimento que até tentou desviar, mas não teve tempo hábil de evitar o acidente. Após a batida, o caminhão foi parar em um barranco do outro lado da pista. Já o carro da mulher ficou parado no acostamento. Ela foi socorrida por uma unidade do Resgate ainda com vida até a Santa Casa de Araçatuba.

Segundo informações da assessoria de imprensa do hospital,  a paciente deu entrada no pronto-socorro com quadro de parada cardiorrespiratória. Durante 30 minutos, os médicos tentaram fazer os procedimentos de reanimação, mas não conseguiram. A morte foi constatada e o corpo encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal), onde passaria por exame necroscópico.

INTERDIÇÃO

Uma faixa da pista sentido Araçatuba foi interditada por policiais rodoviários. Equipes da perícia técnica compareceram ao local. Um laudo deverá ficar pronto em até 30 dias para auxiliar nas investigações. As documentações de ambos veículos estavam em ordem.

O condutor do caminhão passou pelo teste do bafômetro e o resultado foi negativo para embriaguez. Ele saiu do porto de Paranaguá, no Paraná, com 57 toneladas de adubo e iria para o município de Rio Verde, em Goiás. Foi necessário a vinda de dois guinchos para fazer a retirada da carreta do barranco.

A Polícia Civil vai abrir um inquérito para dar andamento às investigações e apurar as verdadeiras causas do acidente.

 

 

Ultimas Noticias