Trio é detido na região com mais de R$ 12 mil após furto em residência

Compartilhe esta notícia!

Três rapazes, de 18, 19 e 20 anos, além de um adolescente de 14, foram detidos na manhã dessa quinta-feira (11) horas depois de cometerem um furto a residência na cidade de Selvíria (MS). Na ocasião, os criminosos fugiram levando diversos objetos pessoais, dinheiro e até um revólver devidamente registrado de um comerciante. A abordagem ocorreu por um policial militar de folga em Pereira Barreto.

De acordo com informações apuradas pela reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, o sargento da PM avistou os quatro suspeitos dentro de um veículo Siena e desconfiou da atitude deles. Em contato telefônico com outros policiais de serviço, ele tomou conhecimento a respeito do furto ocorrido durante a madrugada em Selvíria. Desconfiado de que os ocupantes do carro poderiam ser os autores, o PM solicitou a presença de uma viatura para realizar a abordagem e verificação.

Durante a averiguação confirmou-se que o automóvel era realmente produto de furto na noite anterior no município sul-mato-grossense. Um dos autores confessou participação no furto e indicou uma casa ali perto onde estariam os objetos furtados. Os PMs se deslocaram até o endereço e durante vistoria encontraram R$ 12.590,50 em dinheiro e um revólver de calibre 38.

Com essas evidências, os quatro foram levados até a delegacia para prestarem esclarecimentos. No decorrer do registro da ocorrência, a polícia descobriu que o veículo ocupado pelos indiciados pertencia a uma das irmãs deles. Acontece que o criminoso pegou o automóvel escondido e ela prestou queixa de furto. O delegado plantonista manteve a prisão dos três jovens e os deixou à disposição da Justiça. Já o adolescente foi liberado aos cuidados do Conselho Tutelar. A Polícia Civil abriu inquérito para dar andamento às investigações e faria contato com a vítima do furto para a recuperação do dinheiro e da arma de fogo.

 

 

 

 

 

 

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Tribunal de Justiça anula sentença que condenou Luciano Justo no caso Mustang

Compartilhe esta notícia!O Tribunal de Justiça de São Paulo anulou a sentença proferida que condenou …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *