CADEIA - Dupla foi apresentada na Central de Flagrante e ficou presa ARQUIVO

Dono de depósito de bebidas consegue desarmar bandido durante tentativa de assalto

Compartilhe esta notícia!

Um marceneiro de 19 anos foi preso em flagrante na noite de quinta-feira (15) depois de tentar assaltar um depósito de bebidas localizado na Avenida da Saudade, em Araçatuba, e ser desarmado pelo dono do estabelecimento comercial. Um segundo suspeito de participar da ação criminosa fugiu e até o fechamento dessa edição não tinha sido localizado.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os policiais militares do Baep (Batalhão de Ações Especiais) faziam patrulhamento de rotina quando foram acionados pelo Copom (Central de Operações da Polícia Militar) para atendimento de roubo em andamento pelo endereço. Chegando lá, as equipes se depararam com o proprietário na posse de um revólver calibre 32 e o suspeito do crime deitado no chão.

No depósito também estavam alguns clientes e funcionários. O proprietário relatou em depoimento que trabalhava quando o indiciado chegou na garupa de uma motocicleta, armado com o revólver, e anunciou o assalto na sequência. A todo o momento, o criminoso exigia que a vítima entregasse o dinheiro que estava no caixa.

Em um momento de descuido do bandido, o dono do comércio conseguiu rendê-lo e tomar a arma que ele segurava. Em seguida exigiu que ele se deitasse no chão até a chegada da Polícia Militar. O segundo bandido que aguardava o comparsa do lado de fora, ao perceber a ação, fugiu em alta velocidade e não foi mais localizado.

Ao ser questionado, o marceneiro contou que tinha uma dívida de R$ 850,00 em uma biqueira da cidade e o traficante do local emprestou a arma de fogo utilizada no roubo e ordenou que ele praticasse o assalto para pagar a quantia devida. Inclusive aquele que conduzia a moto seria o suposto cobrador da dívida. O rapaz apontou um endereço no bairro Jussara como sendo do segundo suspeito. Chegando lá, os PMs avistaram uma moto preta, chamaram pelo morador, o questionaram a respeito dos fatos, mas este negou qualquer acusação.

Ele e o marceneiro foram encaminhados até a Central de Flagrantes para prestarem esclarecimentos, mas assim que chegaram até a delegacia o primeiro abordado ficou com dúvidas a respeito da identidade do comparsa, por isso o delegado plantonista decidiu liberar o investigado até que o caso seja melhor apurado por meio de inquérito policial.

Por sua vez, o jovem que praticou o assalto recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a cadeia pública de Penápolis na manhã dessa sexta-feira (16). O revólver que ele usou ficou apreendido e seria periciado. A vítima não sofreu ferimentos. A Polícia Civil abriu inquérito para dar prosseguimento aos trabalhos investigativos.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Advogado araçatubense morre em acidente na Rondon

Compartilhe esta notícia!O advogado araçatubense Madson Luís Brito Cardoso, 50 anos, morreu em acidente ocorrido …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *