Home Plantão Policial Rapaz é detido pela segunda vez após tentar sair de churrascaria sem pagar

Rapaz é detido pela segunda vez após tentar sair de churrascaria sem pagar

4 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

Pela segunda vez em menos de 24h, um rapaz de 25 anos voltou a ser detido pela Polícia Militar depois de tentar deixar uma churrascaria sem pagar, localizada na rua Osvaldo Cruz, no centro de Araçatuba. No dia anterior, ele foi detido por ir a uma sorveteria na rua do Fico por duas vezes e cometer o mesmo ato. Na ocasião, ele foi liberado. Dessa vez, novamente ele acabou saindo pela porta da frente da delegacia.

O caso foi registrado na Central de Flagrantes como fraude no comércio. Segundo informações do boletim de ocorrência, o suspeito sentou-se e pediu o rodízio completo. Ele também pegou um refrigerante. Depois de almoçar, o investigado tentou deixar a churrascaria sem fazer o pagamento.

Os funcionários perceberam a ação e tentaram impedi-lo de sair. O jovem relatou estar desempregado e não tinha dinheiro para pagar. Mas, conforme o proprietário, a todo o momento ele passou a impressão de que planejou fazer tudo isso de maneira planejada e pensada com antecedência. Por fim, o autor revelou não achar justo o valor do rodízio, pois pensava ser mais barato.

Os policiais militares foram acionados para atendimento da ocorrência e o levaram até a delegacia para prestar depoimento. Mas como na primeira vez, ele acabou sendo liberado e vai responder em liberdade. A Polícia  Civil irá abrir inquérito para dar prosseguimento às investigações.

SORVETERIA

Um dia antes, o mesmo rapaz foi detido por outra equipe da PM depois de tentar fugir de uma sorveteria sem pagar. Só nesse estabelecimento foram duas ações do tipo nos últimos dias.

Na última quarta-feira (16) o suspeito foi até a sorveteria, se serviu no aparador e pesou o sorvete na balança. Tudo ficou R$ 25. Minutos depois, o investigado fugiu do comércio sem pagar pelo produto. A ação foi filmada pelas câmeras de segurança.

Mas, a ousadia do autor foi tanta que ele retornou no dia seguinte e praticou a mesma ação. Dessa vez, ele teria que pagar R$ 23 pelo sorvete servido. Quando tentou fugir, ele foi reconhecido pelo proprietário da sorveteria, que conseguiu detê-lo até a chegada dos policiais militares. Antes da chegada da viatura, o jovem ainda zombou da situação e questionou os funcionários se teria saído bonito nas imagens do circuito de monitoramento.


Compartilhe esta notícia!