Compartilhe esta notícia!

Uma perseguição policial terminou em um acidente na tarde de terça-feira (8) em um cruzamento de Andradina. A moto conduzida por um rapaz de 20 anos se chocou contra uma picape momentos depois de equipes da Rocam (Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas) tentar a abordagem. Uma grávida de 18 meses era passageira e sofreu ferimentos.

 

A reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL apurou que as equipes faziam patrulhamento pela rua Antônio Modesto Filho quando, próximo a via de acesso à rodovia Marechal Rondon (SP-300), avistaram a motocicleta conduzida pelo homem e tinha como passageira uma mulher.

Os PMs perceberam que o veículo não tinha placa, por isso decidiram realizar a abordagem. O motociclista desobedeceu a ordem de parada e passou a fugir em alta velocidade pelas ruas da cidade. Por diversas vezes, ele quase caiu e ofereceu riscos a outros motoristas e pedestres.

Depois de alguns minutos de perseguição, a polícia decidiu abortar o acompanhamento e realizar um cerco com outras viaturas, pois havia grande risco de um acidente acontecer. Não demorou muito para que o Copom (Central de Operações da Polícia Militar) noticiasse uma ocorrência de acidente de trânsito no cruzamento entre as ruas Minas Gerais e Floriano Peixoto. Uma VW/Saveiro teria colidido contra a moto.

Uma equipe do Resgate prestou socorro tanto à passageira da moto em fuga quanto ao condutor. Os dois apresentavam lesões pelo corpo. A mulher está grávida de 18 semanas e permaneceu internada em observação na UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Já o rapaz foi medicado e liberado.

Ele passou pelo teste do bafômetro, mas o resultado foi negativo para embriaguez. Os policiais consultaram os dados e ele não possui passagens criminais. A moto foi localizada escondida em uma casa. A ocorrência foi apresentada na delegacia como desobediência, direção perigosa, lesão corporal e acidente de trânsito. O veículo foi apreendido.


Compartilhe esta notícia!