Home Plantão Policial TOR realizada dois flagrantes de tráfico de drogas no mesmo ônibus

TOR realizada dois flagrantes de tráfico de drogas no mesmo ônibus

4 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

Policiais rodoviários do TOR (Tático Ostensivo Rodoviário) de Araçatuba fizeram a prisão de uma jovem e de um rapaz no início da noite de domingo (20) dentro de um ônibus de passageiros, que fazia o itinerário Campo Grande, Mato Grosso do Sul a Brasília, Distrito Federal, por tráfico de drogas. Os dois não se conheciam, mas carregavam entorpecentes para destinos diferentes.

 

No primeiro caso, os policiais entraram no veículo e abordaram o rapaz que tem 27 anos de idade. Ele apresentou muito nervosismo, o que gerou as suspeitas. As equipes localizaram dentro da mochila que ele carregava entre as pernas 13 tijolos de maconha, além de duas porções de skunk, também conhecida como super maconha.

 

O indiciado confessou que pegou os entorpecentes de um homem desconhecido em Ponta Porã, Mato Grosso do Sul, e os levaria até Ipatinga, Minas Gerais. Pelo transporte o homem iria receber dois mil reais. Ele foi levado até a delegacia, onde prestou depoimento. O delegado manteve a prisão dele por tráfico de drogas e o deixou à disposição da Justiça. Na audiência de custódia, a prisão do suspeito foi revertida em preventiva.

 

SEGUNDA OCORRÊNCIA

 

No mesmo ônibus, uma jovem de 26 anos de idade foi presa em flagrante com um tablete de cocaína. Segundo informações do boletim de ocorrência, a indiciada apresentou nervosismo e começou a dar respostas contraditórias, o que levou a desconfiança dos policiais.

 

Ao se levantar, a polícia percebeu que havia um volume anormal na roupa da mulher. Antes de deixar seu lugar, ela deixou o volume em uma blusa de frio sobre o banco do ônibus. Quando os policiais verificaram do que se tratava encontraram um tablete de cocaína envolto em uma fita azul.

 

A suspeita confessou que foi contratada por uma pessoa desconhecida em Campo Grande para fazer o transporte do entorpecente até São Paulo, onde um segundo indivíduo desconhecido iria a aguardar para pegar o entorpecente. Por isso, a autora iria receber mil reais em dinheiro.

 

Ela foi encaminhada até a Central de Flagrantes, onde prestou depoimento. O delegado plantonista manteve a prisão por tráfico de drogas e a deixou à disposição da Justiça. A jovem passou por audiência de custódia na manhã de segunda-feira (01) e depois foi encaminhada para uma unidade prisional feminina da região, onde deverá aguardar decisão da Justiça.

 


Compartilhe esta notícia!